Fórmula E: Félix da Costa, afinal, consegue o primeiro pódio da época

  • Redação Autoportal
  • 27 fev, 21:22
António Félix da Costa
António Félix da Costa

Corrida foi interrompida quando luta pelos lugares do pódio estava lançada

António Félix da Costa ficou no terceiro lugar da segunda corrida do e-Prix de Diriyah cuja ronda dupla abriu neste fim de semana o Mundial de Fórmula E. O piloto português da DS Techeetah cortou a meta em quarto numa corrida que terminou sob bandeira vermelha, mas uma penalização ao seu companheiro de equipa, Jean-Éric Vergne, deu-lhe o primeiro pódio da temporada.

PUB

Depois de um sábado fora dos pontos, o piloto português da DS Techeetah melhorou o seu andamento neste domingo e, depois de ter partido do 10.º lugar na segunda corrida deste fim de semana, Félix da Costa chegou a rodar em terceiro e lutava pelos lugares da frente quando a corrida foi interrompida.

Robin Frijns (Virgin) partiu da pole position e manteve ao longo de toda a prova uma grande luta com Sam Bird (Jaguar) pelo primeiro lugar. Os dois pilotos da DS subiram do nono e do 10.º postos da grelha para os lugares logo a seguir.

Este domingo já tinha ficado marcado pela falha nos travões do Venturi de Edoardo Mortara que levou o suíço a um acidente quando treinava a partida, já depois dos treinos da manhã completados.

PUB

Isto fez a com que Mortara não só acabasse por não apresentar condições para correr, como levou a direção de corrida a relegar o outro Venturi e os dois carros da equipa da Mercedes para o final da grelha sem fazer a qualificação antes de se saber o que tinha acontecido e que poderia ter afetado não só os carros da equipa cliente como os da fabricante.

A corrida deste domingo acabou também por ficar marcada por outros incidentes e Félix da Costa passou por um misto de bom desempenho com algum azar. Quando utilizou o segundo «attack mode», acabou por gastar a energia extra numa situação de corrida em bandeiras amarelas.

PUB

Tendo chegado ao terceiro lugar, Félix da Costa voltou a perder a posição para Verge e, como já se disse, a luta interna entre os DS sucedia ao duelo pelo primeiro posto. Quando foi para a pista o último Safety Car, a 6 minutos do final, Bird tinha tomado a dianteira a Frijns.

Esperava-se o aumento da intensidade da corrida não só entre os dois da frente como com os dois DS agora (todos) juntos, bem como aumentava a incerteza sobre a classificação e quem ficaria no pódio estava lançada.

PUB

Mas a quantidade de detritos em pista deixados pelo acidente começado entre Maximilian Gunther (Andretti) e Tom Blomqvist (Nio) levou a que o Safety Car desse lugar à bandeira vermelha que pôs fim à corrida a menos de 3 minutos do final, com vitória de Bird e Félix da Costa em quarto.

Neste acidente, que acabou por levar a mais consequências do que a interrupção, Alex Lynn (Mahindra) também saiu de pista acabando por capotar e ficar voltado ao contrário. As imagens não foram mostradas pela transmissão televisiva e também ainda não havia informação oficial sobre o estado do piloto, que foi levado para o hospital à hora inicial da publicação deste artigo.

 

Com as posteriores atualizações por parte da F+ormula E - que deram conta da penalização de Verge por não ter ativado o segundo «attack mode - ficou tambéma saber-se que Lynn está no hospital, consciente, para cumpriri as prescruções m+edicas.

Classificação da segunda corrida do e-Prix de Diriyah:

1. Sam Bird (Jaguar)

2. Robin Frijns (Virgin)

PUB

3.António Félix da Costa (DS)

PUB

4. Sérgio Sette Câmara (Dragon)

5. Nico Mueller (Dragon)

(...)

Classificação do Mundial de Pilotos:

1. Nick de Vries (Mercedes), 32 pontos

2. Sam Bird (Jaguar), 25

3. Robin Frijns (Virgin), 22

4. Edoardo Mortara (Venturi), 18

5. António Félix da Costa (DS), 15

6. Mitch Evans (Jaguar), 15

(..)

Classificação do Mundial de Equipas:

1. Jaguar Racing, 40 pontos

2. Mercedes-EQ Formula E Team, 36

3. Envision virgin Racing, 32

(..)

7. DS Techeetah, 15

(...)

O Mundial de Fórmula E segue para Itália com o e-Prix de Roma marcado para 10 de abril.

[artigo atualizado]

Continuar a ler

RELACIONADOS

Félix da Costa: “No ano passado saímos daqui com 3 pontos no total”

E-Prix de Diriyah: Félix da Costa é 11.º na vitória de Nyck De Vries

Fórmula E: arranca o Mundial com Félix da Costa a partir do topo

COMPUTADOR DE BORDO

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

Fique a saber como são as novas cartas de condução

Descontos nas portagens das ex-Scut de Algarve e Interior vão até aos 55%

VEJA MAIS

MAIS LIDAS