Dakar: organização confirma morte de Pierre Cherpin

  • Redação Autoportal
  • 15 jan, 11:25
Manuel Luís Goucha e Vasco Palmeirim
Pierre Cherpin (Reprodução Twitter Dakar)

Piloto francês Pierre Cherpin sofreu uma queda na sétima etapa e estava em coma

A organização do Dakar, confirmou esta sexta-feira a morte do piloto de motas francês Pierre Cherpin na sequência de uma queda na sétima etapa da 43.ª edição da prova de todo-o-terreno.

O piloto, de 52 anos, que foi transportado para uma unidade hospitalar, estava em coma e o óbito do piloto foi confirmando quando, na quinta-feira, estava a ser aerotransportado de Jeddah, na Arábia Saudita, para França.

"Durante a repatriação num avião médico, Pierre Cherpin morreu no dia 14 de janeiro em virtude das lesões sofridas numa queda à sétima etapa", anunciou a Amaury Sports Organization (ASO).

O acidente aconteceu ao quilómetro 178 da sétima etapa, primeira metade de uma etapa maratona, e provocou um traumatismo craniano ao piloto gaulês, que chegou a ser operado na Arábia Saudita.

Cherpin era um piloto amador e competia pela quarta vez no Dakar, depois de já ter alinhado em 2009, 2012 e 2015, integrando a categoria Original by Motul, para pilotos que corriam sem assistência.

Pierre Cherpin foi a única vítima mortal da 43.ª edição do Dakar, depois de em 2020, na estreia da prova na Arábia Saudita, terem perdido a vida o português Paulo Gonçalves e o holandês Edwin Straver.

RELACIONADOS

Historial de vencedores do Dakar

Dakar: Stéphane Peterhansel conquista a 14.ª vitória na prova

Dakar: Kevin Benavides leva a Honda à segunda vitória consecutiva na prova

COMPUTADOR DE BORDO

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

Fique a saber como são as novas cartas de condução

Descontos nas portagens das ex-Scut de Algarve e Interior vão até aos 55%

VEJA MAIS

MAIS LIDAS