Stéphane Peterhansel: “a experiência ajudou-me a vencer o Dakar"

  • Redação Autoportal
  • 15 jan, 16:48
Stéphane Peterhansel (Lusa)
Stéphane Peterhansel (Lusa)

Piloto francês da Mini alcançou a sua 14.ª vitória no Dakar, a oitava na categoria de carros

O francês Stéphane Peterhansel (Mini) admitiu hoje sentir "a mesma emoção", após vencer pela 14.ª vez o rali Dakar de todo-o-terreno, cuja 43.ª edição terminou hoje com a oitava vitória do "Senhor Dakar" na categoria de automóveis.

"Continuo a sentir a mesma emoção. Vencer o Dakar é complicado, não há vitórias fáceis. Esta até pode ter parecido a quem vê de fora, mas foi difícil gerir a pequena diferença para o  Nasser Al-Attyiah. Sentia o corpo muito tenso. Mas a experiência e a capacidade de manter a calma ajudou-me a vencer o Dakar", sublinhou o piloto francês no final da 43-ª edição da prova de todo-o-terreno.

PUB

Com este triunfo, Peterhansel tornou-se o primeiro piloto a vencer em três continentes diferentes, 30 anos depois de ter festejado o seu primeiro triunfo, em motas, em 1991, em África.

Stéphane Peterhansel considerou que Nasser Al-Attyiah, cometeu um erro ao vencer o prólogo da prova deste ano.

"Essa foi a diferença. Ele ganhou o prólogo e acho que foi o primeiro erro dele. Provavelmente, perdeu o Dakar porque quis ganhar o prólogo", frisou o piloto francês, que confessou que "a primeira vitória, nas motas, continua a ser a minha preferida".

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Dakar: Stéphane Peterhansel conquista a 14.ª vitória na prova

Dakar: Kevin Benavides leva a Honda à segunda vitória consecutiva na prova

Historial de vencedores do Dakar

Dakar: organização confirma morte de Pierre Cherpin

COMPUTADOR DE BORDO

Desconfinamento: 10 Dicas para o seu carro

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

Fique a saber como são as novas cartas de condução

VEJA MAIS

MAIS LIDAS