Ocon e a Fórmula 1 em tempos de covid-19: "Tem sido duro"

Esteban Ocon (Lusa)
Esteban Ocon (Lusa)

Piloto francês da Renault aponta ao top 10 no GP de Portugal

Esteban Ocon falou nesta quinta-feira em exclusivo para os jornalistas portugueses e o piloto da equipa de Fórmula 1 da Renault não só contou o que espera da sua estreia no Autódromo Internacional do Algarve (AIA) na categoria rainha do Automobilismo como explicou como é estar a competir em tempos de pandemia de covid-19.

"Tem sido duro trabalhar, com a equipa, com as viagens, as restrições, a quarentena... Tem sido muito difícil viajar, para Enstone... Falta-nos tempo para o simulador", contou Ocon frisando que a situação pandémica "está a ficar pior" e que, por isso, aguarda por "uma solução" para este problema.

PUB

As condicionantes que a proteção contra a covid-19 implicam não têm, no entanto, obstado à "boa relação" com o Daniel [Ricciardo] mantendo os dois pilotos da Renault os "bons debates" e as "boas discussões" sobre o carro e o trabalho em pista.

O francês destacou também que "FIA e F1 têm feito um trabalho excelente" mostrando-se "muito satisfeito" pela existência de um calendário competitivo e pela realização das corridas, mas ignorando como será para o ano: "Ainda não temos calendário. Esperemos que a situação estabilize."

PUB

E, por enquanto, Ocon confessa-se "ansioso por ver como será" correr no circuito de Portimão. "Só o pisei. Nunca consegui guiar; só em karting, há nove anos. De resto, só em simulador", contou o piloto de 24 anos referindo que o AIA "parece fantástico, como uma montanha-russa, com curvas desafiantes, mas também com a longa reta".

"Se tivermos uma qualificação normal, vai ser interessante ver onde conseguimos estar. Espero que estejamos bem, dentro do top 10 - é o nosso objetivo. Temos mais uma oportunidade neste fim de semana e espero que consigamos bons resultados", assumiu Ocon sem recusar olhar para o pódio: "Veremos. As oportunidades não surgem muitas vezes..."

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Ricciardo: "Se for um bom espetáculo, todos vamos querer voltar"

MotoGP em Teruel e a Fórmula 1 em Portimão: todos os horários

GP de Portugal terá 600 militares da GNR para fazer a segurança da prova

DGS revela regras para assistir ao GP de Portugal de F1

GP de Portugal: Governo confirma lotação máxima de 27.500 espetadores

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS