HAMILTON vence na Turquia e é SETE VEZES CAMPEÃO DO MUNDO | AUTOPORTAL
PUB

HAMILTON vence na Turquia e é SETE VEZES CAMPEÃO DO MUNDO

  • Redação Autoportal
Lewis Hamilton (Lusa)
Lewis Hamilton (Lusa)
Piloto inglês iguala o recorde Michael Schumacher com uma corrida soberba

LEWIS HAMILTON VENCEU O GP DA TURQUIA E É SETE VEZES CAMPEÃO DO MUNDO DE FÓRMULA 1.

Sérgio Pérez foi o segundo classificado na corrida deste domingo e Sebastian Vettel ficou com o terceiro lugar do pódio.

A Corrida deste domingo não podia ter sido mais atribulada em resultado da chuva que marcou o fim de semana na Turquia e pôs à prova toda a perícia que era necessária para lidar com a falta de aderência no encharcado Istambul Park.

E, no final, Hamilton deu mais uma lição de condução coroando com um triunfo em pista a sua permanente elevação no Olimpo da F1 – desta vez igualando Michael Schumacher como heptacampeão mundial.

A partida para esta consagração correu bem e correu mal ao inglês da Mercedes. Depois, Hamilton deu-lhe a volta, como ele sabe.

Os Racing Point partiram que nem flechas para o comando da prova com Stroll na liderança, enquanto Max Verstappen falhou o arranque e foi passado por bem mais pilotos do que apenas Sergio Pérez.

Os Ferrari também largaram bem assomando-se à frente e Hamilton andou entre o terceiro lugar e o regresso ao sexto na primeira volta. Mas era o início que chegava na altura para consumar o título.

O único que podia impedi-lo era Valtteri Bottas – tendo de ganhar com a volta mais rápida. Mas também a primeira volta foi atribulada para o finlandês que fez o primeiro de vários piões e caindo para a segunda metade do pelotão.

Hamilton ficou com caminho aberto para o título. O caminho para vencer o campeonato com a vitória nesta corrida é o que é preciso destacar mais no que se segue. Porque foi o que se seguiu, quando a pista começou a secar pedindo os pneus intermédios.

Após a primeira paragem geral, a liderança manteve-se com os Racing Point na frente e os dois Red Bull como os mais fortes desafiadores da dobradinha da frente. Erros, piões, diferentes gestões de pneus na condução – num rol de várias incidências que foram assinaladas no Filme da Corrida – deixaram, entretanto, os Red Bull mais longe da frente e Hamilton na perseguição aos Racing Point.

Porque é a Lewis Hamilton que se deve voltar no relato; porque o novo heptacampeão mundial foi o melhor em relação a todas as incidências referidas: errando menos que qualquer outro e gerindo os pneus intermédios como nenhum outro.

Parecido com Hamilton, só houve Sergio Pérez – e foi também por isso que o mexicano foi o segundo. A entrar nas últimas 20 voltas Stroll liderava à frente daqueles dois. Mas não conseguiu ter pneus para se manter assim e teve de ir à box. Os outros não.

Pérez passou a líder da Corrida. Mas não por muito. Na mesma volta, Hamilton passou para o comando. Estavam as cartas lançadas? Estavam. O inglês da Mercedes partiu para aumentar uma vantagem sobre Pérez que lhe dava uma margem suficiente para uma ida à box na penúltima volta – que esteve para acontecer, mas não foi preciso.

Hamilton seguiu para o triunfo de forma incontestável gerindo com calma os últimos quilómetros.

Pérez seguiu em espelho a mesma linha do campeão do mundo. Não de forma tão incontestável, mas a estratégia de apenas uma paragem teve compensação no segundo lugar ainda ameaçado na última volta, mas mantido no cortar da meta.

A classficação do GP da Turquia:

Classificação do Mundial de Pilotos:

1. Lewis Hamilton (Mercedes), 307 pontos

2. Valtteri Bottas (Mercedes), 197

3. Max Verstappen (Red Bull), 170

4. Sergio Pérez (Racing Point), 100

5. Charles Leclerc (Ferrari), 97

6. Daniel Ricciardo (Renault), 96

7. Carlos Sainz (McLaren), 75

8. Lando Norris (McLaren), 74

9. Alex Albon (Red Bull), 70

(...)

Classificação do Mundial de Construtores.

1. Mercedes, 504 pontos

2. Red Bull, 240

3. Racing Point 154

4. Mclaren, 149

5. Renault, 136

6. Ferrari, 130

(...)

O Mundial de F1 tem uma semana de descanso e regressa no fim de semana de dia 29 deste mês, no Bahrain.

[artigo atualizado]

  • TEMAS:
  • F1

  • Ao Vi

  • GP da Turquia

Veja mais