PUB

F1: Hamilton iguala Schumi em vitórias, segue-se o recorde de títulos

  • Redação Autoportal
Lewis Hamilton (Lusa)
Lewis Hamilton (Lusa)
Piloto da Mercedes alcançou o triunfo 91 na F1 ao ganhar o GP de Eifel

Lewis Hamilton venceu neste domingo o GP de Eifel e alcançou a vitória 91 na Fórmula 1.

Com a vitória em Nurburgring, o campeão do mundo em título igualou o recorde de Michael Schumacher de triunfos na F1.

Mas o inglês da Mercedes já pode colocar os olhos em mais um recorde de Schumi. Com o triunfo deste sábado, Hamilton ficou mais perto de manter o cetro de campeão e igualar também este ano o recorde de sete títulos mundiais do alemão.

Na corrida deste domingo, Max Vesrtappen (Red Bull) foi o segundo classificado e Daniel Ricciardo levou o Renault ao terceiro lugar do pódio.

Hamilton ficou já em Nurburgring com uma mão no título de 2020, pois, com seis provas por disputar até final, o inglês já ‘só’ precisa de ser segundo classificado no que faltam correr para ser campeão.

O líder do Mundial deixa a Alemanha com 69 pontos de vantagem sobre Bottas. Seis segundos lugares no que falta correr dão a Hamilton 108 pontos e o finlandês só poderá obter um máximo de 156 pontos se vencer todas as corridas com a volta mais rápida.

Este cenário começou a formar-se em Nurburgring à Volta 13. Até lá, Bottas segurou a liderança que detinha desde a pole position. Hamilton arrancou melhor do segundo lugar, mas o finlandês conseguiu ficar na frente. À Volta 13, quando Bottas errou numa travagem, o inglês não desperdiçou a oportunidade para passar para a frente.

Os problemas para Bottas não ficaram por aí. Poucas voltas depois, o Mercedes do finlandês era um dos vários carros que nesta tarde não aguentaram a Corrida de Nurburgring. Hamilton assumiu uma liderança que nunca foi contestada até receber a bandeira de xadrez. Verstappen assumiu também ele o segundo lugar nas mesmas condições – nem mesmo quando um Safety Car a 10 voltas do fim juntou os pilotos a ordem foi posta em causa...

Daniel Ricciardo também acabou por não ser ameaçado por Sergio Pérez quanto ao terceiro lugar da corrida e ganhou, além do primeiro pódio pela Renault, pontos importantes na luta com o mexicano da Racing Point pelo quarto lugar do campeonato. As disputas mais interessantes por um lugar na classificação da Corrida acabaram por acontecer sempre atrás dessas posições, mesmo que tenham envolvido também Ricciardo e Pérez.

A Racing point foi a única equipa a terminar com os seus dois carros nos pontos, pois Nico Hulkenberg – em substituição do indisponível Lance Stroll – fez a corrida do dia ao sair do último lugar da grelha para acabar em oitavo. Em sentido contrário Kimi Raikkonen não conseguiu pontuar no dia em se tornou recordista absoluto de corridas feitas na F1: 323. Os carros com motores Ferrari terminaram todos, mas só um de cada equipa conseguiu ficar nos pontos.

O Fime da Corrida

Classificação do GP de Eifel:

Classificação do Mundial de Pilotos:

1. Lewis Hamilton (Mercedes), 230 pontos

2. Valtteri Bottas (Mercedes), 161

3. Max Verstappen (Red Bull), 147

4. Daniel Ricciardo (Renault), 78

5. Sergio Pérez (Racing Point), 68

6. Lando Norris (McLaren), 65

7. Alexander Albond (red Bull), 64

8. Charles Leclerc (Ferrari), 63

9. Lance Stroll (Racing Point), 57

10. Pierre Gasly (AlphaTauri), 53

(...)

Classificação do Mundial de Construtores:

1. Mercedes, 391 pontos

2. Red Bull, 211

3. Racing Point, 120

4. McLaren, 116

5. Renault, 114

6. Ferrari, 80

7. AlphaTauri, 67

(...)

O Mundial de F1 segue para Portimão para a realização do GP de Portugal no Autódromo Internacional do Algarve no dia 25.

[artigo aualizado]

  • TEMAS:
  • Formula 1

  • GP Eifel

  • AO VIVO

Veja mais