F1: Toto Wolff vai continuar a liderar a Mercedes por mais três anos

  • Redação Autoportal
  • 18 dez 2020, 12:46
Toto Wolff - Mercedes
Toto Wolff - Mercedes

Diretor da equipa campeã do mundo de F1 viu a sua participação na escuderia aumentar

A Mercedes confirmou que Toto Wolff vai continuar como diretor da equipa de Fórmula 1, tendo assinando um novo contrato de três anos.

“Tenho o prazer de iniciar um novo capítulo com a Mercedes-AMG Petronas F1. Esta equipa é como uma família para mim. Passamos por muitos altos e baixos juntos que não consigo imaginar trabalhar com um grupo melhor de pessoas neste desporto. Estou muito feliz por continuarmos juntos nesta nova era”, sublinhou Toto Wolff em comunicado revelado pela Mercedes.

PUB

A equipa campeã do mundo de F1, revelou ainda que o grupo industrial britânico INEOS tornou-se acionista da escuderia, em partes iguais com o grupo Daimler e Toto Wolff.

“A participação da INEOS vai cifrar-se em um terço e somar-se ao papel de principal parceira da equipa. Paralelamente, a Daimler reduzirá a participação atual de 60% e Toto Wolff aumentará a sua, dos 30% atuais, para criar três parceiros igualitários”, acrescenta o comunicado.

A Mercedes, que em 2020 se sagrou campeã mundial de F1 de construtores e pilotos, por intermédio do britânico Lewis Hamilton, terá de adaptar-se ao limite de despesas que vigorará em 2021, de perto de 120 milhões de euros anuais, menos de um terço do orçamento que dispõe atualmente.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

FIA aprova calendário de F1 com 23 provas para 2021

Lewis Hamilton eleito como o melhor piloto de F1 em 2020

F1: só falta confirmar Hamilton e um Red Bull na grelha para 2021

F1: AlphaTauri substitui Daniil Kvyat por Yuki Tsunoda em 2021

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS