F1: Valtteri Bottas vai correr pela Alfa Romeo a partir de 2022

  • Redação Autoportal
  • 7 set, 01:49
Valtteri Bottas (Reuters)
Valtteri Bottas (Reuters)

Piloto finlandês muda de equipa à décima temporada na F1

Valtteri Bottas vai ser piloto da equipa da Alfa Romeo de Fórmula 1 a partir de 2022. O finlandês deixará a Mercedes para se juntar à equipa dirigida por Frédéric Vasseur na próxima época com um trato de vários anos que não foram especificados quer pela equipa quer pelo piloto.

"Um novo capítulo na minha carreira enquanto piloto está a começar: Estou entusiasmado por me juntar à Alfa Romeo Racing ORLEN para a temporada de 2022 e seguintes, para o que vai ser um novo desafio em conjunto com um fabricante icónico. A Alfa Romeo é uma marca que não precisa de apresentação, pois escreveram algumas grandes páginas da história da Fórmula 1 e vai ser uma honra representar esta marca.”

PUB

“O potencial da estrutura em Hinwil é evidente e estou entusiasmado com a oportunidade de poder ajudar a equipa a avançar para a frente da grelha, especialmente com o novo regulamento em 2022 que dá à equipa uma oportunidade de dar um salto no seu desempenho. Estou grato pela confiança que a equipa depositou em mim e mal posso esperar para retribuir a sua fé: Estou faminto como sempre de lutar pelos bons resultados e, quando chegar a altura, pelas vitórias.”

PUB

Com 32 anos, Valtteri Bottas cumpre neste ano a sua nona época na Fórmula 1 onde se estreou na Williams em 2013 tendo-se mudado para a Mercedes em 2016. Com a equipa alemã, Bottas foi duas vezes vice-campeão mundial (2019 e 2020) e obteve as suas nove vitórias em grandes prémios e as 17 pole positions. Ao longo da carreira, o finlandês conta com 63 pódios.

PUB

Entrados já na segunda metade da atual temporada, Bottas anuncia a mudança de uma equipa que luta pelos títulos mundiais e é fornecedora de motores para outra que é uma equipa cliente (da Ferrari) e que luta pelas posições na segunda metade do pelotão.

“Conheço bem o Fred [Vasseur] e estou ansioso por conhecer o resto da equipa com quem vou trabalhar, construindo relações tão fortes como as que tenho na Mercedes. Estou orgulhoso do que consegui em Brackley e estou totalmente concentrado em terminar o trabalho enquanto lutamos por outro campeonato mundial, mas também estou ansioso pelos novos desafios que me esperam no próximo ano."

O piloto que tem sido mais falado para ocupar o lugar de Bottas na Mercedes para fazer dupla com Lewis Hamilton (contrato até 2023) é o britânico George Russell (23 anos) que representa a Williams desde que s estreou na F1 em 2019.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Verstappen domina GP dos Países Baixos e é o novo líder do Mundial de F1

Raikkonen deixa a F1 no final do ano e já temos saudades destes momentos (em vídeo)

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS