MotoGP: Jorge Lorenzo quer mais tempo para se adaptar à Honda

  • Redação Autoportal
Jorge Lorenzo (Honda HRC)
Jorge Lorenzo (Honda HRC)

Piloto espanhol considera que a RC213 V não é uma moto natural tal como a Ducati

Jorge Lorenzo está motivado para alcançar um bom resultado no GP de França, quinta prova do mundial de MotoGP que tem lugar este fim de semana em Le Mans, num circuito onde o espanhol já venceu por cinco vezes nos últimos dez anos.

Depois do fracasso do GP de Espanha, onde o espanhol da Honda esperava alcançar um resultado positivo, Lorenzo reconhece que precisa de tempo para se adaptar à sua nova moto.

“Sabemos que será mais difícil do que estávamos à espera para começar a alcançar resultados positivos. Vamos precisar de mais tempo, até porque a ligação entre o piloto e a moto, não é uma ligação natural ", sublinhou o piloto espanhol.

O tricampeão do mundo reconheceu ainda que o trabalho de adaptação à nova moto é demorado e que não está preocupado com a pressão.

“Já passei por esta situação antes e consegui alcançar resultados positivos. A verdade é que  tal como a Ducati, a Honda também não é uma moto natural para mim e todos sabemos que preciso mais tempo”, reforçou o piloto espanhol.

Jorge Lorenzo ressurgiu em bom nível esta sexta-feira na segunda sessão de Treinos Livres para o GP de França, ao realizar o quarto melhor tempo combinado do dia, tendo rodado na sua melhor volta em 1m31,716s, para terminar o dia a 0,288s do mais rápido.

  • TEMAS:
  • Jorge Lorenzo

  • MotoGP

  • Honda

Veja mais