Miguel Oliveira em grande conquista o 2.º lugar no GP de Itália

  • Redação Autoportal
  • 30 mai, 14:05
Johann Zarco e Miguel Oliveira (Lusa)
Johann Zarco e Miguel Oliveira (Lusa)

Piloto português chegou a se penalizado, mas a decisão foi revertida

Miguel Oliveira conseguiu o segundo lugar do GP de Itália de MotoGP fazendo o seu melhor resultado da época com uma corrida de grande afirmação do piloto português da KTM.

O Falcão ainda chegou a ser relegado para o terceiro lugar, mas, a decisão foi revertida e o português foi mesmo segundo classificado.

PUB

Oliveira cruzou a meta no segundo lugar, mas, logo após o final, foi penalizado por ter excedido os limites da pista – numa decisão ‘ao milímetro (?)’ que não poderia deixar de ser considerada polémica... E que acabou mesmo por ser revertida.

A sexta prova do Mundial, no Autódromo de Mugello, foi ganha por Fabio Quartararo (Yamaha), que reforçou a liderança do campeonato, num dia em que a notícia do falecimento de Jason Dupasquier marcou esta corrida desde o minuto de silêncio no início até às sucessivas homenagens.

O terceiro lugar do pódio foi para Joan Mir (Suzuki). O campeão do mundo tinha beneficiado da penalização a Oliveira, mas, também, ele foi penalizado pela mesma razão que o português e tudo voltou ao ponto em que cruzaram a meta.

PUB

Este foi o 37.º pódio de Miguel Oliveira na carreira e o terceiro na categoria rainha conseguido na pista talismã de Mugello onde em 2015 conseguiu a primeira vitória no MotoGP, na classe Moto3.

Partindo da sétima posição da grelha de partida, Miguel Oliveira arrancou muito bem subindo ao terceiro lugar. Francesco Bagnaia (Ducati) também largou bem e ganhou o primeiro lugar a Quartararo, que partiu da pole position.

O início agitado da corrida deixou os dois primeiros do Mundial a lutarem pela primeira posição e o português e Johann Zarco (Pramac Ducati) pelo terceiro posto – nestas primeira voltas com vantagem para o francês.

PUB

A queda precoce de Bagnaia deixou Quartararo com caminho livre à sua frente e o francês da Yamaha não desperdiçou a oportunidade para fugir na liderança e nunca mais ser ameaçado.

A 8 voltas do final, já com o seu andamento estabelecido e a mostrar-se mais forte do que Zarco e com as Suzuki a aproximarem-se, o Falcão atacou o segundo lugar e preparou-se para o seu melhor resultado do ano.

PUB

Mir também passou Zarco e aproximou-se do piloto português, mas a KTM mostrou-se à altura em Mugello e, depois do episódio das penalizações já referido, Miguel Oliveira segurou com autoridade o segundo lugar.

Classificação do GP de Itália de MotoGP:

Com esta vitória, Quartararo reforçou a liderança do campeonato, que tem agora Zarco na segunda posição. Miguel Oliveira subiu dez posições e fecha agora o top 10, com 29 pontos.

Classificação do Mundial de Pilotos:

O MotoGP segue para Espanha com a realização do GP da Catalunha, sétima prova da época, no fim de semana e 6 de junho.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Piloto de Moto3 Jason Dupasquier faleceu

GP de Itália: Miguel Oliveira faz a melhor qualificação da época

Superbikes Estoril: Scott Redding vence primeiro duelo do fim de semana

COMPUTADOR DE BORDO

Governo irá reduzir 50% do valor das portagens nas ex-SCUT em 1 de julho

Desconfinamento: 10 Dicas para o seu carro

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

VEJA MAIS

MAIS LIDAS