GP da Tailândia: Márquez é campeão do mundo com uma vitória

  • Redação Autoportal
Marc Márquez (Lusa)
Marc Márquez (Lusa)
Piloto espanhol ganhou o sexto título mundial de MotoGP no nono triunfo da época. Miguel Oliveira ficou fora dos pontos

Marc Márquez é o campeão do mundo de MotoGP de 2019.

O piloto espanhol chegou ao sexto título na categoria rainha do motociclismo de velocidade – que é o seu oitavo na carreira.

Márquez está agora, aos 26 anos, a apenas um título de Valentino Rossi e a dois, na categoria rainha, de Giacomo Agostini.

O campeão do mundo da Honda que ganhou os seis títulos no MotoGP nos últimos sete anos (a exceção foi 2015) carimbou o ‘tetra’ com uma vitória no GP da Tailândia deste domingo – logo à primeira oportunidade que teve para a revalidação e deixando ainda quatro corridas por realizar.

A história dos dois triunfos de Márquez neste início de manhã em Portugal foram tão ‘anunciados’ como pouca margem deram para algo mais se destacar neste GP da Tailândia.

O titulo estava à mercê do espanhol sem alguma contrariedade de maior – como o susto com queda de sexta-feira – precisando de somar mais dois pontos do que Andrea Dovizioso. Márquez partia do terceiro lugar da grelha; o italiano da Ducati saía do sétimo.

Fabio Quartararo partiu da pole position para segurar a liderança em quase toda a corrida. Márquez seguiu logo atrás do piloto da SRT Yamaha. Como aconteceu em Misano, os dois prepararam-se para um duelo final de última volta com o francês sempre na frente até lá.

Com Dovizioso a não conseguir mais do que subir ao quarto lugar, Márquez seguia ‘tranquilo’ atrás de Quartararo prometendo a concretização do que estava anunciado e já visto em São Marino.

Maverick Viñales rodou quase sempre isolado no terceiro lugar que conquistou na Corrida, numa definição de posições e da história da consumação deste título mundial – em contraste com os poucos momentos de emoção da 15.ª prova deste mundial no que respeita ao que se passou em pista no Circuito Internacional Chang.

Miguel Oliveira esteve envolvido numas das poucas lutas elas posições na segunda metade do pelotão. O piloto português da Tech3 KTM partiu bem da 17.ª posição e ganhando logo algumas posições na primeira volta. E continuando...

Oliveira chegou a estar no 13.º lugar, em luta com a KTM de Pol Espargaró, mas, à medida da passagem das voltas, o piloto português foi caindo alguns lugares e acabou por terminar na 16.ª posição, fora dos pontos.

Jack Miller (Pramac Ducati), que saiu da via das boxes, ganhou o 15.º lugar a Oliveira a duas voltas do fim. Na última volta, Márquez deu seguimento ao estudo das 25 voltas anteriores e consumou o anúncio já conhecido de Misano passando Quartararo.

O francês ainda tentou um último contra-ataque para ver se era desta que se estreava a ganhar no MotoGP. Mas Márquez estava à espera e com a defesa preparada para não deixar de casar o sexto título mundial de MotoGP com a vitória na Tailândia – a nona da época em 15 provas.

O Filme da Corrida

Classificação do GP da Tailândia:

Classificação do Mundial de MotoGP:

O MotoGP segue para Motegi onde decorrerá o GP do Japão no fim de semana de 20 deste mês.

  • TEMAS:
  • GP Taillândia

  • Marc Márquez

  • Miguel Oliveira

Veja mais