Miguel Oliveira despede-se do Moto2 com triunfo em Valência

  • Redação Autoportal
A imagens do triunfo de Miguel Oliveira em Valência

Foi o melhor fecho de época que se podia esperar. Miguel Oliveira despediu-se do Moto2 com uma vitória no GP de Valência, a última prova da temporada.

O piloto português partiu do 10.º lugar da grelha de partida, mas partiu com a vontade de ganhar que sempre anunciou e foi ele quem cortou a meta em primeiro lugar.

E, na primeira volta, já estava no terceiro lugar. E, na segunda subiu à liderança.

A partida com a pista do Circuito Ricardo Tormo molhada foi traiçoeira para muitos e, logo na Curva 2 da primeira volta, Luca Marina, que tinha partido da pole position caiu e levou com ele mais dois pilotos.

Oliveira passou bem pela intempérie para atacar o triunfo. Álex Máquez também.

Com cinco voltas cumpridas, o piloto espanhol passou o português e assumiu o comando. E foi ganhando vantagem. A pista ia secando, mas os riscos de cometer um erro fatal também.

O primeiro dos que rodavam na frente a cometê-lo foi Xavi Vierge. O espanhol caiu quando perseguia Miguel Oliveira e o portuguºes ficou com o então segundo lugar mais seguro.

Mas as quedas na frente não ficaram por aí. O líder Márquez também errou. E quando tinha mais de um segundo de vantagem deitou a liderança a perder caindo também.

Miguel Oliveira ficou com o caminho livre para fechar a época com a terceira vitória da temporada e não desperdiçou a oportunidade ganhando com segurança deixando Iker Lecuona a mais de 13 segundos e Márquez a mais de 22.

Uma semana depois de ter ficado como «vice» no campeonato ganho por Francesco Bagnaia, o ponto final da época do Moto2 foi dado por Miguel Oliveira a fazer ouvir o hino de Portugal em Valência e a dar o título de equipas à Ajo KTM.

O FILME DA CORRIDA

Classificação do GP de Valência de Moto2:

Classificação final do Mundial de Moto2:

1. Francesco Bagnaia, 306 pontos

2. Miguel Oliveira, 297

3. Brad Binder, 201

Comentários

Veja mais