GP da Europa: colega de equipa de Miguel Oliveira fica em isolamento e não corre

  • Redação Autoportal
  • 5 nov 2020, 11:28
Iker Lecuona
Iker Lecuona

Iker lecuona testa negativo, mas esteve em contacto com um caso positivo

Iker Lecuona vai falhar o GP da Europa de MotoGP marcado para este fim de semana, na primeira de duas provas consecutivas no Circuito Ricardo Tormo, em Valência. O colega de Miguel Oliveira na Tech3 KTM está em isolamento depois de o seu irmão ter testado positivo para a covid-19.

Lecuona vive em Andorra com seu irmão, que é também o seu assistente. O piloto espanhol testou negativo na terça-feira, mas um teste PCR positivo do irmão impede-o de viajar para Valência, pois a legislação de Andorra obriga Lecuona a cumprir desde já um isolamento de 10 dias.

PUB

O colega de Miguel Oliveira fará novo teste PCR nesta quinta-feira, mas já está obrigado à quarentena ao ser classificado como um “caso de contacto”. Hervé Poncharal, o diretor da Tech3 KTM, avançou que a equipa não substituirá Lecuona no GP da Europa correndo apenas com o piloto português.

Na próxima quarta-feira, Lecuona fará novo teste e, mantendo-se negativo, já poderá viajar para Valência para a segunda ronda de corridas no Circuito Ricardo Tormo.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Miguel Oliveira: “Estou motivado para as três últimas rondas do campeonato”

MotoGP: Rossi pode falhar GP da Europa e já tem substituto

COMPUTADOR DE BORDO

Governo irá reduzir 50% do valor das portagens nas ex-SCUT em 1 de julho

Desconfinamento: 10 Dicas para o seu carro

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

VEJA MAIS

MAIS LIDAS