Hamilton ganha no Qatar e fica a 8 pontos de Verstappen a duas corridas do fim

  • Redação Autoportal
  • 21 nov, 15:40
Lewis Hamilton (Lusa)
Lewis Hamilton (Lusa)

Luta pelo título continua ao rubro depois do GP do Qatar

Lewis Hamilton venceu neste domingo o GP do Qatar e, a duas corridas do final do Mundial de Fórmula 1, ficou a apenas 8 pontos de Max Verstappen, que foi o segundo classificado nesta 20.ª prova da temporada.

O terceiro lugar da corrida ficou para Fernando Alonso, com o espanhol da Alpine a regressar ao pódio a F1 sete anos depois.

PUB

Com o quarto lugar de Sergio Pérez e a volta mais rápida de Verstappen, a Red Bull diminuiu para 5 pontos a diferença no campeonato de Construtores em relação à Mercedes, que ficou com Valtteri Bottas encostado na box.

Se a luta pelo título continua cada vez mais animada, a estreia da F1 no Qatar acabou por ser mais ou menos morna em relação a outros duelos e batalhas mais alargadas a que já assistimos nesta época.

Grande parte da agitação acabou mesmo por acontecer na hora que antecedeu a corrida, pois, o piloto holandês ficou a saber que partiria do sétimo lugar a grelha devido a uma penalização relacionada com a qualificação da véspera.

Hamilton partiu da pole position já sem o holandês ao seu lado e tratou de não permitir veleidades ao AlphaTauri de Pierre Gasly que se tinha juntado na primeira linha e que até acabou passado por Alonso saído do terceiro lugar onde veio a terminar.

PUB

Atrás destes dois, com Hamilton a aproveitar para cavar desde logo distância, surgiu logo à primeira volta Verstappen com um grande arranque a levá-lo do sétimo lugar da grelha à quarta posição.

À quinta volta, Hamilton seguia como queria na frente com o Mercedes a dar-lhe toda a fiabilidade e Verstappen chegou ao segundo posto a cerca de 5 segundos do inglês. E a discussão sobre a vitória com o Red Bull sem argumentos para ir buscar o Mercedes ficou como que por ali decidida.

PUB

As estratégias viraram-se mais para as corridas dos segundos piloto, mas, aí, a Mercedes ficou a perder, pois, Valtteri Bottas acabou por ter de abandonar ‘deixando Pérez a somar pontos sozinho’ (e aproximar-se o finlandês no Mundial) e Verstappen a gerir a situação para ficar com o ponto da volta mais rápida.

Com Alonso a ser neste domingo o melhor do segundo pelotão e o bom fim de semana da Alpine, a luta com a AlphaTauri ficou bastante mais decidida para a equipa francesa. Também a Ferrari voltou a ganhar vantagem sobre a McLaren e Charles Leclerc já morde os calcanhares de Lando Norris.

PUB

Classificação do GP do Qatar:

Classificação do Mundial de Pilotos:

Classificação do Mundial de Construtores:

1 Mercedes, 546,5 pontos

2 Red Bull, 541,5

3 Ferrari, 297,5

4 McLaren, 258

5 Alpine, 137

6 AlphaTauri, 112

(...)

A duas corridas do final, o Mundial de Fórmula 1 prossegue no fim de semana de 3 a 5 de dezembro com o GP da Arábia Saudita.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Sébastien Ogier é campeão do mundo de Ralis pela oitava vez

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS