Resposta de Hamilton chegou domingo com uma tremenda vitória no GP do Brasil

  • Redação Autoportal
  • 14 nov, 18:40
Lewis Hamilton (Lusa)
Lewis Hamilton (Lusa)

Piloto da Mercedes ganhou a corrida partindo da décima poisção

Lewis Hamilton venceu neste domingo o GP do Brasil dando a melhor resposta a um fim de semana muito difícil que teve, mas onde mostrou toda a sua fibra de heptacampeão para conseguir uma vitória tremenda.

Max Verstappen ficou no segundo lugar e viu reduzida para 14 pontos a vantagem na liderança do Mundial de Fórmula 1, em que a Mercedes ganhou mais alguma embalagem nos Construtores juntando o terceiro lugar de Valtteri Bottas.

PUB

Foi uma vitória tremenda numa corrida intensa e, ainda mais, num fim de semana duríssimo para Hamilton.

O inglês da Mercedes foi desclassificado da qualificação de sexta-feira e partiu para a corrida sprint do último lugar. Recuperou 15 lugares e chegou em quinto. Com a penalização de cinco lugares por troca do motor de combustão interna partiu para a corrida deste domingo em décimo. Recuperou nove lugares e ganhou.

Valtteri Bottas partiu da pole position, mas Verstappen arrancou melhor e fazia o que tinha de fazer: assumia a liderança. Mas Hamilton também e, à oitava volta, antes de um Safety Car (após um choque entre Yuki Tsunoda e Lance Stroll), já era terceiro, atrás dos dois Red Bull.

PUB

Um Virtual Safety Car antecedeu a ultrapassagem de Hamilton a Sergio Pérez e a subida do inglês à segunda posição. Os dois candidatos ao título tinham a corrida pela frente para o mano a mano. O inglês da Mercedes ultrapassou o líder, mas Verstappen recuperou a posição no contra-ataque.

Começaram as estratégias das boxes e Bottas foi o beneficiado: ganhou o terceiro lugar a Pérez fazendo a mudança em novo VSC. Com Hamilton colado, Verstappen tenta o undercut na segunda troca para duros. Hamilton faz a troca três voltas mais tarde, a 27 do final das 71 ao Autódromo José Carlos Pace.

PUB

Os dois da frente continuaram colados. A intensidade com que se corria era cada vez maior. O primeiro ataque de Hamilton deu-se à volta 48. Verstappen defendeu-se com tudo o que tinha. O inglês foi paciente, foi preparando novamente o melhor andamento do Mercedes na pista de Interlagos e esperou mais 11 voltas antes de novo ataque – desta vez para não dar hipótese de resposta.

Hamilton assumiu a liderança para seguir para a sexta vitória da época. Verstappen teve de contentar-se com o segundo lugar. Com Bottas na terceira posição, a Red Bull mandou Pérez trocar de pneus para tirar a Hamilton o ponto da volta mais rápida – o que o mexicano conseguiu na última passagem pela meta.

PUB

Classificação do GP do Brasil:

No final do GP do Brasil (com formato de corrida sprint), Hamilton conseguiu diminuir a desvantagem para Verstappen para 14 pontos no Mundial de Pilotos, enquanto no de Construtores a Mercedes aumentou a diferença sobre a Red Bull para 11.

No segundo pelotão, a Ferrari continua a distanciar-se da McLaren no pódio das equipas assim como Charles Leclerc já está colado ao quinto lugar de Lando Norris.

Classificação do Mundial de Pilotos:

Classificação do Mundial de Construtores:

1 Mercedes, 521,5 pontos

2 Red Bull, 510,5

3 Ferrari, 287,5

4 McLaren, 256

5 Alpine, 112

6 AlphaTauri, 112

(...)

E, agora, já só faltam três corridas para o final do Mundial de F1. O campeonato prossegue com o GP do Qatar, a 20.ª prova da temporada, já no próximo fim de semana, de 19 a 21 deste mês.

Continuar a ler

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS