GP da Comunidade Valenciana: Morbidelli vence com MIR CAMPEÃO e Oliveira em 6.º | AUTOPORTAL
PUB

GP da Comunidade Valenciana: Morbidelli vence com MIR CAMPEÃO e Oliveira em 6.º

  • Redação Autoportal
Franco Morbidelli (Associated Press)
Franco Morbidelli (Associated Press)
Piloto da SRT Yamaha conquistou a vitória na penúltima ronda da temporada

Franco Morbidelli, conquistou este domingo a vitória no GP da Comunidade Valenciana, a terceira da temporada para o piloto da SRT Yamaha, numa corrida onde Miguel Oliveira (Tech3 KTM) terminou na sexta posição na frente de Joan Mir (Suzuki) que conquistou o seu primeiro título de campeão do mundo.

Morbidelli, que largou da ‘pole’ não facilitou a vida aos seus adversários e rapidamente assumiu o comando da corrida para não mais o largar, levando na sua roda Jack Miller (Pramac Racing) e Pol Espargaró (KTM).

Já Miguel Oliveira, que largou do 10.º lugar da grelha, fez um bom arranque e no final da primeira volta já estava na quinta posição.

O piloto português estava então na luta pelos primeiros lugares, mas com as voltas a passarem começou a denotar algumas dificuldades para acompanhar o ritmo dos primeiros, acabando mesmo por ser ultrapassado por Takaaki Nakagami (LCR Honda) e mais tarde por Alex Rins (Suzuki).

Mais atrás, Joan Mir, que largou do 12.º segundo lugar da grelha, não esteve muito à vontade nas primeiras voltas, tendo caído para o 14.º lugar. O piloto espanhol da Suzuki que corria para o título nesta penúltima ronda da temporada viu Fabio Quartararo (SRT Yamaha) cair à passagem da 8.ª volta das 27 que os pilotos tiveram de realizar ao circuito Ricardo Tormo.

Com Quartararo fora da corrida, as contas ficavam mais fáceis para Mir, que foi subindo algumas posições na corrida.

Na frente Morbidelli era o mais rápido em pista e conseguia criar uma ligeira vantagem para Miller que nunca foi superior a 1.5s, o que deixava antecipar um final de corrida apertado para o piloto da SRT Yamaha.

O australiano da Pramac foi paciente e na fase final da corrida apertou o andamento colando-se à roda de Morbidelli que foi obrigado a segurar, com ‘unhas e dentes’ o primeiro lugar para conquistar a sua terceira vitória da temporada.

Já Pol Espargaró, acabou por segurar a terceira posição, nunca tendo conseguido mostrar andamento para superar os dois da frente de Alex Rins, que beneficiou da queda e Takaaki Nakagami a nove voltas do final, numa altura em que o japonês da LCR Honda lutava com Rins pela quarta posição.

O top cinco ficou completo com Brad Binder (KTM), que conseguiu ultrapassar Miguel Oliveira, com o português a terminar a penúltima ronda da temporada na sexta posição, na frente de Joan Mir, que com a sétima posição fez a festa do título.

Mir sucede assim a Marc Márquez como campeão do mundo, num ano em que a Suzuki comemora o seu centenário e 20 anos depois do título mundial conquistado por Kenny Roberts Jr. em 2000, quando Mir tinha apenas três anos.

No seu segundo ano na categoria rainha do motociclismo, Joan Mir, conseguiu realizar uma temporada sólida e juntou-se a Barry Sheene, Marco Luchinelli, Franco Uncini, Kevin Schwantz e Kenny Roberts Jr, na galeria de pilotos que conquistaram o campeonato do mundo com a Suzuki.

Filme da corrida

Classificação do GP da Comunidade Valenciana de MotoGP

Classificação do Mundial de Pilotos

1. Joan Mir (Suzuki), 171 pontos

2. Franco Morbidelli (SRT Yamaha), 142

3. Alex Rins (Suzuki), 138

4. Maverick Viñales (Yamaha), 127

5. Fabio Quartararo (SRT Yamaha), 125

6. Andrea Dovizioso (Ducati), 125

7. Pol Espargaró (KTM), 122

8. Jack Miller (Pramac Racing), 112

9.Takaaki Nakagami (LCR Honda), 105

10. Miguel Oliveira (Tech3 KTM), 100

Classificação do Mundial de Construtores

1. Suzuki, 201 pontos

2. Ducati, 201

3. Yamaha, 188

5. KTM, 175

5. Honda,133

6. Aprilia, 43

O MotoGP segue no próximo dia 22 de novembro, com o GP de Portugal, última prova da temporada, que terá lugar no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão.

  • TEMAS:
  • MotoGP

  • GP da Comunidade Valenciana

  • Miguel Oliveira

Veja mais