PUB

GP de Aragão: Alex Rins vence em Motorland e Oliveira é 16.º

  • Redação Autoportal
Alex Rins (Suzuki)
Alex Rins (Suzuki)
Piloto espanhol da Suzuki é o oitavo vencedor diferente da temporada

Alex Rins (Suzuki) alcançou este domingo a sua primeira vitória da época ao vencer o GP de Aragão, tornando-se no oitavo vencedor diferente da temporada num dia em que o seu companheiro de equipa Joan Mir assumiu a liderança do campeonato e onde Miguel Oliveira (Tech3 KTM) terminou em 16.º.

Partindo do 10.º lugar da grelha de partida, Alex Rins realizou uma corrida de grande valia ao assumir a liderança da corrida à passagem da oitava de 23 voltas, para não mais a largar.

Maverick Viñales (Yamaha) que largou do segundo lugar da grelha, foi o primeiro líder da corrida, relegando Fabio Quartararo e Franco Morbidelli (SRT Yamaha) para o segundo e terceiro lugares após a partida.

Viñales tentava fugir dos seus mais diretos adversários, mas a diferença nunca foi superior a meio segundo e com o passar das primeiras voltas, ficou claro que os pilotos da SRT Yamaha não estavam a aguentar o maior ritmo de Alex Rins, que em meia dúzia de voltas entrou na luta pelos lugares do pódio.

O espanhol da Suzuki era o mais rápido em pista e não demorou muito para chegar à traseira da Yamaha de Viñales que começava a ser fortemente pressionado por Rins.

Isto numa altura em que o líder do campeonato à chegada ao GP de Aragão, Fabio Quartararo, perdia bastantes lugares, acabando mesmo por ser ultrapassado por Miguel Oliveira.

Na frente da corrida, Rins ultrapassou Viñales na última curva da oitava volta, com o piloto da Yamaha a ficar na mira de Joan Mir (Suzuki) que já era terceiro, tendo atrás de si Alex Márquez (Honda), que depois de ter largado do 11.º lugar da grelha estava a lutar por um lugar no pódio pela segunda corrida consecutiva.

Alex Rins conseguiu impor um ritmo forte e alcançou uma diferença de 1,1s para os seus mais diretos adversários, mas Mir reduziu o espaço para o líder da corrida, com Marquez a reboque, com o espanhol da Honda, a mostrar-se mais rápido nas últimas voltas, acabando mesmo por ultrapassar Mir a cinco voltas do final.

O espanhol da Honda caiu então em cima de Alex Rins, que foi obrigado a defender-se dos ataques de Márquez nas últimas voltas para não deixar fugir a sua primeira vitória na temporada.

Desta forma Alex Márquez terminou na segunda posição, na frente de Joan Mir que foi terceiro, enquanto Maverick Viñales foi quarto e Takaaki Nakagami (LCR Honda), fechou o top cinco da 10.º corrida da temporada.

Já Miguel Oliveira, depois de largar do 18.º lugar da grelha de partida, não conseguiu realizar uma corrida positiva tendo terminado no 16.º lugar.

O piloto português da Tech3 KTM, tal como os restantes pilotos da marca austríaca, viram o seu rendimento afetado pela dificuldade em fazer funcionar os pneus no frio asfalto de MotorLand, o que acabou por comprometer um bom resultado para Miguel Oliveira.

Com estes resultados, Miguel Oliveira não somou pontos no Campeonato do Mundo, que passou a ser liderado por Joan Mir, descendo à 10.ª posição, com os mesmos 69 pontos que tinha à chegada ao GP de Aragão, quando faltam agora quatro corridas para o final da temporada.

Classificação do GP de Aragão de MotoGP

Filme da corrida

Classificação do Mundial de Pilotos

1. Joan Mir (Suzuki), 121 pontos

2. Fabio Quartararo (SRT Yamaha), 115

3. Maverick Viñales (Yamaha), 109

4. Andrea Dovizioso (Ducati), 106

5. Takaaki Nakagami (LCR Honda), 92

6. Franco Morbidelli (SRT Yamaha), 87

7. Alex Rins (Pramac Racing), 85

8. Jack Miller (Pramac Racing), 82

9. Pol Espargaró (KTM), 77

10. Miguel Oliveira (Tech3 KTM), 69

Classificação do Mundial de Construtores

1. Yamaha, 183 pontos

2. Ducati, 60

3. Suzuki, 143

5. KTM, 130

5. Honda,112

6. Aprilia, 35

O MotoGP segue já no próximo fim de semana, com o GP de Teruel, que terá igualmente no lugar no Circuito de MotorLand.

  • TEMAS:
  • MotoGP

  • GP de Aragão

  • Miguel Oliveira

Veja mais