Miguel Oliveira: “Ainda não estou 100% apto para pilotar”

  • Redação Autoportal
Miguel Oliveira
Miguel Oliveira
Piloto português abdicou dos testes para chegar em forma à proxima corrida

Miguel Oliveira acabou por não participar nos testes que o pelotão do MotoGP está a fazer em Misano em consequência de uma lesão no ombro resultante do acidente no GP da Grã-Bretanha do passado fim de semana.

O português explicou explicando que ainda não está totalmente recuperado e que é melhor esperar para chegar na máxima força à próxima Corrida.

“Depois do acidente de domingo tive algumas dores no meu ombro direito e, depois de fazer alguns exames, não está ainda apto a 100% para pilotar. Vamos apenas aproveitar estes dias que temos até ao fim de semana da corrida para estar 100% apto.”

O piloto português explicou em declarações ao MotoGP que será melhor sacrificar o trabalho destes testes do que regressar a Misano para o GP de São Marino, no fim de semana de 15 de setembro, sem estar em forma.

“Este teste era importante para nós, mas, de qualquer forma, é melhor estar 100% apto para o GP do que estar 70% [nestes testes] e 70% [na próxima corrida]. Acho que foi a melhor decisão que podíamos tomar.”

Miguel Oliveira garantiu que também “não” vai estar em pista no segundo e último dia de testes nesta sexta-feira contando que hoje não chegou a testar o que quer que fosse: “Fiz duas voltas. Foi basicamente um teste físico para ver se podia pilotar ou não.”.

  • TEMAS:
  • Miguel Olveira

  • MotoGP

  • Testes Misano

Veja mais