Andrea Dovizioso faz soar os alarmes na Ducati

  • Redação Autoportal
Andrea Dovizioso (Lusa)
Andrea Dovizioso (Lusa)
Piloto italiano está preocupado com o domínio de Márquez e da Honda

Andrea Dovizioso terminou o GP de França de MotoGP na segunda posição e está agora a oito pontos do líder do mundial, Marc Márquez.

O piloto italiano da Ducati não está no entanto confiante em poder lutar pelo titulo de campeão, já que Marc Márquez venceu três das cinco corridas até agora realizadas e continua a mostrar que a Honda está um degrau acima da concorrência.

Para Dovizioso a Ducati tem de perceber agora onde pode melhorar de forma a poder lutar com Márquez pelo título.

"Márquez e Honda estão neste momento um pouco mais fortes do que nós. Precisamos de melhorar o nosso tempo por volta e gerir melhor o desgaste dos pneus, porque na corrida de Le Mans, esse foi um dos nossos problemas”, sublinhou Dovizioso.

O piloto italiano da Ducati reconheceu no entanto que terminar na segunda posição o GP de França acabou por ser um bom resultado.  

"Terminar em segundo foi bom, porque lutei muito com a moto e especialmente com o pneu traseiro, o que não é bom quando pretendemos estar na luta pelo campeonato. No final da corrida estava muito lento e não conseguia manter o bom ritmo que registei até meio da corrida e isso é ponto negativo”, acrescentou o piloto da Ducati.

Dovizioso acredita por isso que a equipa vai ter de trabalhar para resolver os problemas que afetaram a sua Desmosedici em Le Mans se pretende lutar pelo campeonato.

"Se conseguirmos melhorar um pouco a moto, teremos a oportunidade de lutar pelo título. Caso contrário vamos ter de rezar para ver se os outros pilotos cometam erros", concluiu Andrea Dovizioso.

  • TEMAS:
  • Andrea Dovizioso

  • MotoGP

  • Ducati

Veja mais