Tudo a postos para o arranque do Campeonato Nacional de Ralis

  • Redação Autoportal
Miguel Barbosa no Rali Serras de Fafe
Miguel Barbosa no Rali Serras de Fafe
Destaque para o regresso do piloto Bruno Magalhães e para a participação de Dani Sordo no Rali Serras de Fafe

O Campeonato de Portugal de Ralis arranca já na sexta-feira com um número recorde de 59 inscritos no Rali Serras de Fafe, incluindo cinco antigos campeões nacionais e um piloto oficial do Campeonato do Mundo.

Armindo Araújo e Bruno Magalhães, em Hyundai, José Pedro Fontes, em Citroën, Pedro Meireles, com um Volkswagen Polo, e Ricardo Moura, em Skoda, serão alguns dos principais animadores da prova de abertura do campeonato, aos quais se juntam Miguel Barbosa (Skoda) ou Ricardo Teodósio (Skoda).

Ao forte contingente nacional junta-se o espanhol Dani Sordo, piloto da equipa oficial da Hyundai Motosport que vai estar aos comandos de um Hyundai R5.

A prova que vai para a estrada na sexta-feira, vai contar com uma manhã reservada ao  Shakedown e Qualificação que irá determinar a ordem de partida e que constitui a grande novidade do campeonato.

A exemplo do que já acontece no Europeu de Ralis, a Qualificação está reservada aos pilotos prioritários, acrescidos dos 10 primeiros do CPR, que estão obrigados a participar.

O mais rápido da Qualificação será o primeiro dos 10 pilotos a escolher a sua ordem na estrada.

Na tarde de sexta-feira os pilotos fazem duas passagens pelo troço de Luílhas, terminando o primeiro dia do Rali Serras de Fafe com duas passagens pelas ruas do centro da cidade, num superespecial noturna.

Para sábado estão previstas duas passagens pelos troços de Ruivães, São Pedro e Aboim/Rio Vizela da parte da manhã e duas passagens pelos troços de Montim e Lameirinha da parte da tarde.

Para a prova de abertura do campeonato nacional estão inscritos 26 carros R5, o que constitui um novo recorde, sendo que, destes, oito são de pilotos espanhóis e dois de pilotos chilenos, de um total de 59 inscritos, o que implica um investimento inicial superior a seis milhões de euros.

"Este será, talvez, o melhor campeonato dos últimos dez anos", assumiu o campeão nacional, Armindo Araújo (Hyundai).

José Pedro Fontes sente-se "em forma" depois do acidente sofrido no Rali de Portugal de 2017, que provocou diversas fraturas à navegadora Inês Ponte Grancha, que regressa após um ano de paragem.

Por seu lado Miguel Barbosa, que soma sete títulos nacionais de todo-o-terreno e um de velocidade, assume o objetivo da temporada que agora vai começar é "de lutar pelo título" na quarta temporada a tempo inteiro neste campeonato.

Calendário CNR 2019

22-23 fevereiro: Rali Serras de Fafe (terra)

21-23 março: Rali dos Açores (terra)

03-04 maio: Rali de Mortágua (terra)

30 maio - 02 junho: Rali de Portugal (terra)

22-23 junho: Rali de Castelo Branco (asfalto)

01-03 agosto: Rali Vinho da Madeira (asfalto)

06-07 setembro: Rali Terras D'Aboboreira, Amarante (asfalto)

04-05 outubro: Rali Vidreiro, Marinha Grande (asfalto)

01-02 novembro: Rali Casinos do Algarve (asfalto)

  • TEMAS:
  • Rali Serras de Fafe

  • Campeonato Nacional de Ralis

  • Armindo Araújo

Veja mais