Rossi e o choque com Márquez: “Mantenho tudo o que disse”

  • Redação Autoportal
Valentino Rossi (e Marc Márquez) no GP da Argentina (Lusa)
Valentino Rossi (e Marc Márquez) no GP da Argentina (Lusa)
Italiano quer seguir em frente, mas sem falar com o espanhol

Valentino Rossi não tirou a mão do acelerador no que respeita ao choque com Marc Márquez no GP da Argentina. O piloto italiano da Yamaha manteve as declarações a respeito do comportamento do espanhol em pista, mesmo dizendo querer seguir em frente.

O campeão do mundo, em conferência de imprensa também individual nesta quinta-feira, tentou colocar um ponto final na polémica, assumindo pelo seu lado ter errado e frisando que foi penalizado por isso. Mas Rossi, que falou depois de Márquez, não mudou o discurso.

“Vi a corrida outra vez e penso exatamente o que disse na Argentina. Por isso, confirmo todas as minhas palavras. Mas é melhor olhar em frente.”

Confrontado com uma rivalidade comparada com a de Ayrton Senna e Alain Prost na Fórmula 1, que depois de um embate semelhante estiveram um hora seguida a falar, Rossi assume que não se dispõe no presente a ter uma conversa idêntica com espanhol. “Talvez ainda não seja a altura. Talvez no futuro.”

VEJA TAMBÉM:

  • TEMAS:
  • Valentino Rossi

  • MotoGP

  • GP Americas

Veja mais