Híbridos de competição aumentam confiança nas novas alternativas de energia

  • Redação Autoportal
  • 1 out, 19:38
Toyota Corolla Hybrid
Toyota Corolla Hybrid

Estudo revela que os consumidores têm uma maior empatia com automóveis híbridos e elétricos depois de os verem a participar em provas de automobilismo

A participação de um modelo híbrido na prova do Campeonato Inglês de Carros de Turismo (BTCC, na sigla em inglês), que teve lugar no circuito de Silverstone no passado fim de semana, foi o mote para a Kwik Fit dar a conhecer um estudo que revela o impacto positivo que as novas soluções de energia têm sobre o condutor comum.

A rede de oficinas do Reino Unido Kwik Fit – que é também naming sponsor do BTCC – revelou que a introdução de carros híbridos nesta disciplina é percecionada pelos automobilistas como uma medida muito positiva, não só para o desporto, mas também enquanto catalisadora da mudança para a propulsão elétrica nos automóveis comuns.

PUB

Entre os consumidores inquiridos, 57% acredita que a participação de automóveis híbridos ou totalmente elétricos em provas de competição contribui para que os mais céticos na sua aquisição passem a vê-los como uma alternativa viável.

Aquele valor sobe para 65% se considerados apenas os entusiastas de desporto automóvel. Entre estes, 54% chegam mesmo a admitir que têm uma maior propensão para comprar um automóvel alimentado a energia elétrica a partir do momento em que veem um semelhante em provas de automobilismo.

PUB

O estudo partilhado pela Kwik Fit indica também que, entre os 2.000 condutores inquiridos, cerca de 58% acreditam que é importante demonstrar que os automóveis híbridos ou elétricos são adequados para a competição; já que assim se comprova o elevado desempenho e fiabilidade destas soluções de motorização.

Até que todos os automóveis do BTCC sejam híbridos, o que irá acontecer na próxima época, em 2022, o primeiro teste aconteceu em Silverstone com um Toyota Corolla híbrido pilotado pelo campeão do BTCC em 2013, Andrew Jordan. O carro participou nos treinos, na qualificação e nas três corridas, mas não marcou quaisquer pontos, já que o objetivo era dar seguimento ao programa de testes e desenvolvimento que está em curso, antes da adoção da nova tecnologia em toda a grelha.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Pure ETCR: gerador da Hyundai a pilha de combustível carrega dois carros numa hora

Cupra e-Racer vai estrear-se no arranque do Pure ETCR

Hyundai testou o novo Veloster N ETCR em pista

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS