Bell notification
Deseja receber notificações
autoportal.iol.pt
Permitir
Anular

F1: Mercedes pinta o Flecha de Prata a negro em declaração contra o racismo

  • Redação Autoportal
Mercedes W11
Mercedes W11
Equipa alemã assume compromisso que vai manter no combate à discriminação

A Mercedes apresentou a decoração do W11 que vai disputar a época de Fórmula 1 que começa neste fim de semana e os Flecha de Prata da equipa alemã correrão em 2020 pintados a negro numa declaração “contra o racismo e todas as formas de discriminação”.

O Mundial de F1 deste ano que deveria ter arrancado em março sofreu uma longa suspensão devido à pandemia de covid-19 e a Mercedes não se esquece de referir o Project Pitlane em que participou com outras equipas no combate ao surto mundial da doemça.

Mas equipa alemã frisa também “nas últimas cinco semanas, o movimento ‘Black Lives Matter’ mostrou o farol” sobre o que é preciso fazer em relação a “novas medidas e ações na luta contra o racismo e todas as formas de discriminação”.

A Mercedes revela que nas últimas semanas se preocupou em “ouvir as perspetivas dos membros da equipa”, em “aprender e refletir” sobre o presente e o que quer para o futuro. Mostrando-se “orgulhosa” dos seus “valores” e referindo uma “experiência inclusiva” por parte dos seus membros, a equipa alemã não deixa de apontar os “apenas três por cento da força de trabalho pertencentes a minorias étnicas”, bem como os “apenas 12 por cento” de funcionários do sexo feminino.”

“Esta falta de diversidade mostra que precisamos de encontrar novas abordagens para atrair talento de muitas áreas da sociedade que não alcançamos no presente”, assume a Mercedes na admissão desta nova visão de um “maior alargamento possível” que vai já ver-se também nos Flecha de Prata que se tornam negros.

“Para 2020, decidimos correr com uma pintura de bate total negra como um compromisso público para melhorar a diversidade da nossa equipa – e uma declaração clara de que nos opomos ao racismo e todas as formas de discriminação. A chamada para “Acabar com o Racismo” irá estar no halo dos dois carros e a iniciativa da F1 #WeRaceAsOne estará nos espalhos do W11.”

A Mercedes adianta ainda que antes do final da temporada irá anunciar um programa de “Diversidade e Inclusão” que passará pela participação dos seus funcionários e pelos processos de recrutamento de novos elementos, bem como na colaboração com as entidades no acesso das pessoas ao deporto.

O Mundial de de F1 arranca neste fim de semana de 5 de julho na Áustria. 

  • TEMAS:
  • Mercedes

  • W11

  • Racismo

Veja mais