Tubarões à vista: há predadores a rondar o interior dos Opel

Do logótipo do Manta, aos tubarões escondidos no interior dos Opel, vários "nadam" por entre os carros alemães

A Opel "esconde" tubarões em quase todos os seus modelos nos últimos anos, geralmente no interior e nem sempre nos locais mais óbvios. Exemplos disso são o novo Opel Mokka e o Opel Corsa.

Mas como teve início a longa viagem da Opel com os “grandes predadores”?

PUB

A marca tem tendência, há décadas, para os motivos relacionados com o mar. Modelos como o Kadett, Admiral e Kapitän, foram os primeiros a ter um nome que remete para motivos marítimos.

A Paixão pelo mar mais profundo emergiu até às criaturas abaixo da superfície. Exemplo disso? O Manta, um coupé desportivo com um símbolo em forma de raia, modelo criado em 1970 e que hoje regressou sob a forma de Manta GSe ElektroMOD com zero emissões.

A história do tubarão surgiu com uma ideia transmitida pelo filho do Dietmar Finger, designer da Opel.

Tudo começou num domingo, em que Finger estava em casa a desenvolver um projeto de design para o novo Corsa, e, quando estava a meio desse trabalho, o filho passou, olhou para o papel do projeto e perguntou: “Pai, porque não desenhas um tubarão?”, e, nesse momento Finger pensou para si próprio, “E porque não?”. E foi assim, de uma conversa entre pai e filho, que surge a ideia que um dia se tornaria também na tradição do porta-luvas com um tubarão integrado em forma de relevo.

PUB

 

Sempre que lançamos um novo modelo, os jornalistas perguntam-nos agora onde estão os tubarões, pelo que encorajo sempre os nossos ‘designers’ a esconder os tubarões no interior de novos projetos. Carinhosamente representados, estes predadores representam algo que distingue a Opel: a paixão pelos nossos automóveis. Temos paixão pelo ‘design’ dos nossos veículos e somos detalhados em cada pormenor. Somos acessíveis, humanos e fazemos tudo com um sorriso nos lábios, sendo exatamente isto que queremos que os nossos clientes sintam.” Salienta Giordimaina, designer da Opel

PUB

O Zafira é um outro exemplo de modelo em que está presente o mamífero, só que aqui, na forma de três pequenos tubarões, uma criação de Giordimaina, na altura do lançamento responsável pelo Design Interior.

Modelos como o primeiro Opel ADAM, o atual Opel Astra e tantos outros, como o Opel Crossland, Opel Grandland X e o Opel Insignia são exemplos de carros em que os tubarões podem ser avistados.

Opel Manta renasce em modo elétrico
PUB

O culto mantém-se, os responsáveis pelo design de qualquer um dos modelos da Opel certifica-se de que há pelo menos um tubarão algures no interior do carro. Afinal…há mais de uma década e meia que a dedicação para o detalhe do tubarão é imprescindível.

Começou há 17 anos e evoluiu para se tornar num verdadeiro culto”, explica um dos diretores de Design da Opel, Karim Giordimaina.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Opel Mokka abre uma nova era e o primeiro contacto na estrada promete

Opel Corsa-e Rally recebe sistema de som para ser audível na estrada

Opel apresenta o carregador universal: o 'canivete suíço' dos veículos elétricos

Astra percorreu 600.000 quilómetros e garantiu um lugar na coleção Opel Classic

COMPUTADOR DE BORDO

Governo irá reduzir 50% do valor das portagens nas ex-SCUT em 1 de julho

Desconfinamento: 10 Dicas para o seu carro

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

VEJA MAIS

MAIS LIDAS