Vídeo smartcity: Poderá uma cidade inteligente conectada, salvar vidas? A Ford diz que sim

  • Redação Autoportal
  • 28 jul, 09:28
FreeThink/FordUS

Um estudo da Ford com a Universidade do Estado de Michigan quer construir estradas mais seguras nas cidades. Objetivo: Salvar vidas

Uma das maiores preocupações das cidades é conseguir ter um sistema de transporte em que as pessoas se possam mover em segurança.

Nos Estados Unidos, segundo a Agência Nacional de Segurança Rodoviária (NHTSA), ocorrem cerca de 35.000 mortes por ano em acidentes com veículos motorizados. Mesmo durante o período da pandemia Covid-19, com menor circulação de viaturas, havia mais mortes por milha percorrida.

PUB

Na maior parte das cidades os dados das ocorrências são fornecidos pela polícia e, este fator faz com que as avaliações só fiquem acessíveis ao final de um ano para que possa ser feito algum planeamento de intervenção.

Os padrões de mobilidade continuam a evoluir e, é cada vez mais importante o acesso a informações atualizadas e, sistemas de transporte inteligentes.

Há milhões de veículos conectados na estrada e a Ford vê neste fato uma oportunidade de ação.

Usando as informações atualizadas nestes veículos a plataforma Safety Insights em colaboração com a Streetlight Data, permite tomar decisões mais rápidas e adequadas sobre a segurança das infraestruturas.

PUB

Desde o final de 2020 a Ford tem trabalhado com a Michigan State University (MSU), num projeto de pesquisa para analisar os dados dos veículos conectados existentes. A análise de diferentes ações como travagens ou curvas bruscas, acelerações ou outras manobras relacionadas a acidentes de 2015 a 2019 no sudoeste do Michigan, permitem obter e comparar dados para implementação de padrões e tendências de segurança, direcionando o valor investido na segurança de transporte de forma precisa.

PUB

As equipas da Ford e da MSU encontraram na pesquisa efetuada uma relação forte entre os eventos adversos dos veículos conectados e os padrões de tráfego inseguro.

Conseguir estes dados em larga escala permite entender diariamente os dados relatados por acidentes com a ferramenta Safety Insights. E os engenheiros podem ter acesso a uma imagem completa do que acontece nas ruas da cidade, complementando estas informações com os relatórios existentes por parte de outras entidades.

A intenção é conseguir salvar vidas nas estradas usando a tecnologia dos veículos conectados para um entendimento em maior escala e de ação precisa pelas cidades.

PUB

Nota: vídeo oficial da Ford, narrado/legendado em inglês

Continuar a ler

RELACIONADOS

Veículos autónomos: Ford, Argo e Lyft preparam mil carros para Miami

Proteção de dados: Xangai avança para lei sobre testes de condução autónoma

Conectividade: a Ford está a desenvolver um avançado projeto de conexão em Espanha

Gaming Transit é o novo projeto de intervenção social da Ford

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS