Bugatti Baby II é um carro de brincar que custa mais de 30 mil euros

  • Redação Autoportal
Réplica do Type 35 é para adultos

Réplica do Type 35 pode ser conduzida por adultos ao contrário do original

Para comemorar 110 aniversário da Bugatti, a marca de Molsheim decidiu criar o Baby II que mais não é que uma réplica do Type 35 original, criado por Ettore e  Jean Bugatti em 1926.

 Ao contrário do original, que só era adequado para os condutores mais jovens, o Baby II é uma réplica de três quartos do Bugatti Type 35, pelo que pode ser conduzido tanto por adultos como por crianças e a Bugatti já fez saber que vai construir 500 unidades deste modelo clássico.

Este Baby II é alimentado por um motor eléctrico e por um conjunto de baterias removíveis de  iões de lítio . Está dotado de um diferencial autoblocante traseiro e conta com sistema de recuperação de energia nas travagens.

Este modelo júnior do Type 35 vai contar com dois modos de potência. Um modo ‘infantil’ de 1,4 cv de potência e a uma velocidade máxima de 20 km/h, enquanto o ‘modo adulto’ conta com uma potência sobe para os 5,4 cv e a velocidade máxima para os 45 km/h.

Para além disso existe ainda uma chave especial ‘Speed Key’ que permiti tirar partido de 13.6 cv de potência do motor.

No interior o Baby II conta com bancos em couro, tablier em alumínio, volante de quatro raios do Type 35 e instrumentos personalizados pela Bugatti.

As jantes deste modelo são alumínio e os faróis não tem um papel decorativo já que funcionam e cada modelo deste Baby II conta com uma placa numerada de edição limitada

Apesar de ser o mais pequeno membro da família Bugatti, o Baby II tem muito em comum com seus irmãos de maior dimensão. Orgulhosamente exibido no nariz do carro é o famoso distintivo ‘Macaron’ da Bugatti, feito de 50g de prata sólida, assim como o Chiron

A Bugatti revelou ainda que cada modelo do Baby II tem um preço de 30.000 euros, mais impostos e custos de entrega e a produção começa no outono.

  • TEMAS:
  • Bugatti

  • Baby II

  • Type 35

Veja mais