Os segredos aerodinâmicos do Lamborghini Aventador SVJ

Lamborghini Aventador SVJ
Lamborghini Aventador SVJ

A Lamborghini veio agora explicar como funciona a aerodinâmica do superdesportivo Aventador SVJ.

A marca de Sant'Agata Bolognese introduziu a designação de Aerodinamica Lamborghini Ativa (ALA) com o Huracán Performante, mas, com o lançamento do Aventador SVJ, a Lamborghini apresentou a versão 2.0 deste sistema aerodinâmico.

A fabricante italiana mostra «segredos» que vão desde os flaps ativos na frente do Aventador, que ajudam a reduzir a carga aerodinâmica na dianteira, até à instalação de uma asa traseira, onde se destaca uma abertura pelo suporte central oco que permite facilitar as acelerações

O ALA funciona assim com abas aerodinâmicas frontais e traseiras que são ativadas para garantir o melhor «set-up» aerodinâmico. Há dois cenários, o de maior apoio aerodinâmico (downforce) e o de menor arrasto.

O primeiro é ideal para curvas de alta velocidade, mas ajuda igualmente a melhorar as travagens. Já o segundo entra em cena quando precisamos de realizar fortes acelerações e é providencial para alcançar a velocidade máxima, de 350 km/h.

VEJA TAMBÉM:

Comentários

Veja mais