Nova geração do BMW Série 7 define novos padrões de exigência tecnológica

  • Redação Autoportal
  • 29 abr, 12:56

Novo Série 7 continua a ostentar o título de topo de gama, mas, na nova geração, a versão de destaque é 100% elétrica

A apresentação da nova geração do BMW Série 7 deu a entender que este modelo ia incluir dois caminhos paralelos, um destinado às versões que tão bem conhecemos, alimentadas por um motor de combustão e outra totalmente elétrica com a designação i7. No entanto, segundo as informações da marca, o início da comercialização deste modelo no mercado europeu será feito apenas com esta nova opção movida em exclusivo por eletricidade. Todas as restantes, para já, estão destinadas a mercados como a China ou os Estados Unidos.

Seja como for, pelo exterior, a nova geração do BMW Série 7 é bastante inovadora em termos visuais, sendo que alguns dos seus detalhes já tinham sido revelados com o novo X7, apresentado mais ou menos uma semana antes deste. É uma rutura com o passado e um passo arrojado, mas inovador. A imagem de robustez da carroçaria caracteriza-se por formas bem definidas, quase como se tivesse sido esculpido e não desenhado, dando origem a traços que, no fundo, são mesmo dignos de um topo de gama.

PUB
PUB

Na frente, por exemplo, além de uma enorme grelha dianteira, que na versão elétrica é apenas um painel com o mesmo formato, temos dois grupos óticos distintos de cada lado desta, um destinado às luzes de condução diurna, que podem incluir cristais Swarovski no seu interior e cintilar em jeito de boas-vindas, e outro, principal, onde se incluem os sistemas de iluminação em matriz de LED ou mesmo o mais avançado Laserlight da BMW.

Para conceber o habitáculo do novo Série 7, a BMW tentou encontrar o máximo de soluções de origem sustentável, das muitas que tem vindo a desenvolver através da sua estratégia circular. Mas sem nunca descurar a elegância e os padrões de qualidade que são exigidos num Série 7.

PUB

Do lado da tecnologia, os lugares dianteiros contam com uma nova barra em LED, que se prolonga por toda a largura do tablier e continua, em parte, para os painéis das portas. Serve de decoração para a iluminação ambiente, mas também será usada como sinais de aviso ou de entretenimento, tendo ainda a função de dissimular da melhor forma possível as saídas da ventilação.

PUB

Ainda assim, e como se trata de um Série 7, vão existir diversos momentos em que desejamos mesmo é viajar nos lugares traseiros, especialmente no que se encontra atrás do lugar do passageiro, que tem direito a ser transformado numa poltrona de descanso, com apoio para os pés, massagens e o máximo de conforto para viagens mais longas. E tudo, com o melhor ângulo de visão para o monitor escamoteável de 32 polegadas, que tem uma resolução de imagem de 8K, perfeita para filmes a bordo.

No próximo ano, além do i7 totalmente elétrico, a gama disponível no mercado europeu também terá direito a uma motorização diesel e uma outra assinada pela BMW M, que estará equipada com um sistema híbrido plug-in.

Continuar a ler

RELACIONADOS

BMW Série 8 está renovado e tem uma nova edição especial

BMW reforça a gama X2 com o Edition GoldPlay

BMW revela o novo M8 Competition em dose tripla

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS