McLaren Senna bate num muro depois de sair do stand

  • Redação Autoportal
McLaren Senna
McLaren Senna

O McLaren Senna adquirido por um empresário alemão foi entregue no último sábado em Munique, mas o que seu proprietário não sabia é que pouco depois de o levantar o hiperdesportivo britânico de um milhão de euros, acabaria por bater de frente num muro.

A noticia surgiu rapidamente nas redes sociais, ou não estivéssemos perante um desportivo de produção limitada, e as imagens do McLaren Senna acidentado, foram reveladas no Instagram, onde se pode ver o hiperdesportivo a sair do stand e depois do acidente. 

A avaliar pela imagem é certo que os estragos não parecem irreparáveis, ainda que seja visível que os "airbags" tenham disparado e que o pára-choques frontal tenha ficado destruído.

Com uma produção limitada a 500 exemplares, o McLaren Senna conta com um motor V8 biturbo de 4.0 litros e debita 800 cv de potência e 800 Nm de binário máximo.

Este verdadeiro hiperdesportivo acelera dos 0 aos 100 km/h em apenas 2,8 segundos e alcança uma velocidade máxima de 340 km/h.

Comentários

Veja mais