Estados Unidos abrem nova investigação aos airbags da Takata

  • Redação Autoportal
  • 1 out, 13:22
Airbag Takata
Airbag Takata

Segundo a NHTSA dos EUA, uma falha identificada nos airbags poderá não estar resolvida, envolvendo cerca de 30 milhões de carros nos EUA

Segundo informações descobertas pela Reuters recentemente, foi aberta uma nova investigação que envolve os airbags produzidos pela Takata e que foram instalados em cerca de 30 milhões de automóveis apenas nos EUA, construídos entre 2001 e 2019, de quase duas dúzias de construtores.

A falha está relacionada com as partículas de metal que podem atingir os ocupantes do veículo em caso de explosão do airbag, num embate, por exemplo, e inclui tantos os modelos que ainda não sofreram qualquer alteração como os que já tinham sido chamados às oficinas para resolver este problema, naquele que já foi considerado o maior recall da indústria automóvel e que envolveu mais de 100 milhões de automóveis em todo o mundo.

PUB

Depois de longas exposições a altas temperaturas ou a humidade, há elementos do airbag que se podem decompor, havendo o risco de emissão de fragmentos mortais com a abertura do airbag. Esta será uma investigação que vai demorar algum tempo e que ainda não se sabe quantos automóveis poderá envolver na totalidade, sendo que pode dar origem a uma nova chamada aos concessionários para uma atualização de componentes, ou ser apenas arquivada consoante os resultados obtidos.

PUB

Para já, sabemos que a Takata produziu airbags para marcas como a Honda, Ford, Toyota, General Motors, Subaru, Tesla, Ferrari, Nissan, Mazda, Daimler, BMW, Chrysler (do Grupo Stellantis), Porsche, Jaguar Land Rover (propriedade da Tata Motors) entre outros. E também que já estão contabilizadas 28 mortes em todo o mundo relacionadas com este problema - 19 nos Estados Unidos - e com mais de 400 feridos registados.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Autopilot da Tesla preocupa organizações de segurança rodoviária americanas

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS