Mercedes chinesa chama às oficinas mais de 95.000 veículos

  • Redação Autoportal
Mercedes (Reuters)
Mercedes (Reuters)

A Beijing Benz, subsidiária chinesa da Mercedes-Benz, anunciou este domingo que vai chamar às oficinas mais de 95.000 veículos devido a defeitos nos suportes de direção.

A chamada às oficinas destina-se aos proprietários de modelos da Classe C, Classe E e do SUV GLC fabricados na China entre 18 de outubro de 2016 e 13 de abril de 2018, que apresentam problemas com suportes de direção defeituosos que podem afetar a condução, criando riscos para a segurança dos passageiros e condutor, segundo revelou em comunicado a Administração Estatal para Regulamentação de Mercado.

A Beijing Benz, já informou que vai proceder à substituição das peças defeituosas nos 95.694 veículos afetados,sem qualquer encargo para os clientes.

Veja mais