Vision EQS: o futuro da Mercedes é elétrico

  • Redação Autoportal
VÍDEO: Mercedes ilumina o futuro com o Vision EQS
Novo elétrico da Mercedes foi apresentado no Salão de Frankfurt

Depois de ter apresentado o SUV EQC, a Mercedes jogou forte no Salão de Frankfurt ao revelar o Vision EQS, que mais não é que a visão da marca germânica da berlina de luxo elétrica do futuro.

Este EQS utiliza uma nova plataforma para carros elétricos, que é modular e por isso pode ser utilizada em vários modelos.

A dianteira é dominada por um painel preto que se ilumina com 178 estrelas LED e onde sobressai a estrela da marca iluminada. Já os faróis, ‘Digital Light’ revelam um design futurista e segundo a Mercedes tem “lentes holográficas”, que permitem um número infinito de configurações de iluminação.

Na traseira, o destaque vai para as 299 estrelas (LED) de três pontas, que adornam horizontalmente a traseira do Vision EQS, num efeito muito bem conseguido.

No interior, o Vision EQS é inspirado no mundo dos iates de luxo. Pela primeira vez, todo o tablier está integrado na secção dianteira do habitáculo, formando como que uma "escultura" interior.

Com a sua arquitetura espacial profunda e aberta, o cockpit do Vision EQS envolve os ocupantes como o convés de um barco. Esta "escultura" global totalmente integrada e abrangente, composta pelo tablier, consola central e apoios de braços, oferece uma visão sobre o interior dos futuros veículos de luxo da marca.

A Mercedes-Benz desenvolve sistematicamente o uso de materiais sustentáveis e utiliza materiais tradicionais e tecnologicamente avançados. No Vision EQS são usados tecidos de microfibras DINAMICA de alta qualidade em branco cristal, juntamente com acabamentos em madeira figurada, feitos de garrafas PET recicladas.

Por outro lado, também é usada pele artificial, com uma superfície finamente estruturada semelhante à pele nappa. O material usado para o revestimento do tejadilho vem de um projeto especial: foi criado um tecido têxtil de alta qualidade pela adição de uma quantidade de plástico reciclado oriundo de "resíduos oceânicos", colocando o uso de materiais sustentáveis num nível totalmente novo.

Dominado pela tecnologia o Vision EQS apresenta um sistema MBUX, em versão melhorada, onde se destaca um ecrã central na vertical, e ecrãs de menor dimensão colocados nas portas.

Da mesma forma que do lado de fora, o interior deste Vision EQS recorre a linhas para iluminação ambiente.

O Mercedes do futuro, que não está tão longe quanto isso, utiliza dois motores elétricos, um em cada eixo, o que permite que o EQS disponha de tração integral e que possa enviar potência para cada roda de uma forma individual.

Os dois motores elétricos permitem ao Vision EQS debitar uma potência de 470 CV e um binário de 760 Nm. Estes números permitem ao Vision acelerar dos 0 a 100 km/h em menos de 4,5 segundos e alcançar uma velocidade máxima de 200 km/h.

A autonomia do EQS é de 700 quilómetros, beneficiando de uma bateria de iões de lítio com 100 kWh de capacidade, que segundo a  Mercedes pode ser carregada até 80% da capacidade em menos de 20 minutos com carregadores de 350 kW.

O Vision EQS revelado em Frankfurt está dotado de uma condução autónoma de nível 3, que ainda não é legal em muitos países. Contudo a marca germânica anunciou que pode tornar este elétrico de luxo totalmente autónomo, ou seja, dotar o EQS de um nível 5 de autonomia.

Mercedes Vision EQS: o futuro elétrico com 470 CV
  • TEMAS:
  • Mercedes

  • Vision EQS

  • Elétrico

Veja mais