Seat dá novo motor 1.5 com caixa automática ao Arona

  • Redação Autoportal
  • 21 set 2020, 18:33
Manuel Luís Goucha e Vasco Palmeirim

SUV mais pequeno da marca espanhola reforça oferta nas opções a gasolina

O Seat reforçou a gama Arona com uma nova motorização a gasolina acoplada em exclusivo a uma transmissão automática.

O SUV mais pequeno da marca espanhola passa agora a contar na gama de motorizações com o bloco 1.5 TSI de 150 cv de potência e 250 Nm de binário e com a transmissão de dupla embraiagem DSG de 7 velocidades.

A Seat anuncia para a nova versão do Arona consumos entre 6 e 6,7 litros/100km (ciclo WLTP) e emissões de CO2 de 137-152 g/km.

O novo bloco 1.5 TSI de 4 cilindros de 150 cv com DSG junta-se às outras sete motorizações já disponíveis entre a gama Arona distribuídas por quarto modelos: Reference, Style, Xcellence e FR.

Entre o gás natural comprimido, a gasolina e o gasóleo, as motorizações já existentes eram as seguintes:

1.0 TGI 90 cv;

1.0 TSI 95 cv,

1.0 TSI 115 cv;

1.0 TSI 115 cv DSG;

1.5 TSI 150 cv;

1.6 TDI CR 95 cv;

1.6 TDI CR 95 cv DSG.

RELACIONADOS

Seat Arona TGI faz 2.600 km por 120 € (e poupa o mesmo em gasolina)

Seat lança Tarraco com novo motor TDI e tração dianteira

Seat reforça aposta no Ibiza com um novo motor de 150 cv

COMPUTADOR DE BORDO

Fique a saber como são as novas cartas de condução

Descontos nas portagens das ex-Scut de Algarve e Interior vão até aos 55%

Largue o telemóvel: conheça as alterações ao Código da Estrada