C5 Aircross chega ao mercado nacional e já são conhecidos os preços

  • Redação Autoportal
C5 Aircross é o novo porta-estandarte da Citroën
Novo SUV da Citroën é o novo porta-estandarte da marca francesa

A Citroën acaba de lançar em Portugal o SUV C5 Aircross, modelo que se assume como o novo porta-estandarte da marca e que dá continuidade à ofensiva de produto Citroën.

Assente no programa Citroën Advanced Comfort, o SUV C5 Aircross é a proposta mais flexível e confortável do seu segmento, destacando-se pelas suspensões com Batente Hidráulico Progressivo e pelos bancos Advanced Comfort, combinação que resulta numa nova experiência a bordo, associada à modularidade exclusiva permitida pelos 3 bancos traseiros individuais, deslizantes, rebatíveis e reclináveis, bem como por uma bagageira, compreendida entre os 580 e os 720 litros.

Do seu habitáculo transparece uma sensação de proteção e de espaço, com um painel de bordo a toda a largura do automóvel, bancos envolventes, onde a posição em altura permite um domínio da estrada, uma ampla consola central e materiais acolhedores.

Moderno e tecnológico, o SUV Citroën C5 Aircross está dotado de 20 tecnologias de apoio à condução, incluindo o Highway Driver Assist, dispositivo de condução autónoma de nível 2, o Grip Control com Hill Assist Descent para lidar com estradas em terra batida, bem como 6 tecnologias de conectividade, incluindo o carregamento sem fios para smartphones.

Em matéria de motorizações a gama portuguesa é composta por 13 variantes, que dividem entre si mecânicas Euro 6.2 eficientes e performantes de última geração, duas a gasolina (1.2 PureTech 130 S&S CVM6 e 1.6 PureTech 180 S&S EAT8) e duas Diesel (1.5 BlueHDi 130 S&S CVM6 e 1.5 BlueHDi 130 S&S EAT8. Adicionalmente, o bloco 2.0 BlueHDi 180 S&S EAT8 está disponível por encomenda.

O C5 Aircross está disponível em quatro níveis de equipamento, Live, Feel, Shine e Shine 19, com preços (que não incluem despesas de legalização, transporte e preparação) que arrancam nos 27.315 euros para a versão 1.2 PureTech de 130 cv S&S CVM6 na versão Live, enquanto a versão diesel 1.5 Blue HDI de 130 cv com caixa manual de seis velocidades tem um custo de 32.607 euros na versão Live.

Já o C5 Aircross com o bloco 1.6 PureTech  de 180 cv e caixa automática de oito velocidades está disponível apenas nas versões Shine e Shine 19, com preços que arrancam nos 38.007 euros.

  • TEMAS:
  • Citroën

  • C5 Aircross

  • SUV

Veja mais