Nissan apresenta o novo Qashqai que ganha mais estilo e tecnologia híbrida

  • Redação Autoportal
  • 18 fev, 11:23

Crossover da marca japonesa chega à terceira geração

A Nissan revelou esta quinta-feira a terceira geração do Qashqai, que marca uma mudança radical face ao passado, apostando numa imagem elegante e musculada, bem como na tecnologia híbrida.

Com mais de três milhões de unidades vendidas desde que a Nissan lançou o Qashqai em em 2007, a terceira geração do crossover da marca nipónica chega com o objetivo de elevar a fasquia no segmento com um reforço na inovação, tecnologia e engenharia

No exterior, a postura da carroçaria melhorada do Qashqai é mais determinada, com a introdução de linhas de ombro proeminentes, distância entre eixos alargada e pela primeira vez no Qashqai, imponentes jantes de liga leve de 20 polegadas.

A distância entre eixos aumentou 20mm para um comprimento total de 4.425mm, ou seja mais 35mm que a versão anterior, uma altura de 1.635mm (+10mm), enquanto a largura aumentou 32mm, para os 1.838mm.

Desta forma o novo Qashqai apresenta uma imagem mais musculada e de maior presença na estrada.

Na frente, a terceira geração do crossover da Nissan ostenta a típica grelha cromada V-Motion da Nissan, mas aumentada e com frisos secundários em cromado acetinado para enfatizar a sua precisão.

Os faróis em LED e as luzes de presença diurnas desenham a também típica assinatura tipo "boomerang" da Nissan. Alias a assinatura luminosa do novo Qashqai representa uma forte evolução face ao modelo anterior com um formato mais esguio e acentuado, graças à tecnologia LED.

Na lateral, o novo Qashqai é mais atlético e dinâmico, com uma única linha que percorre o automóvel desde a dianteira à traseira, conferindo uma presença muito horizontal que ajuda a transmitir uma sensação de dinamismo.

No interior a nova geração do Qashqai oferece um avançado sistema de infoetretenimento com um portefólio amplo de serviços conectados, incluindo a integração simplificada de smartphones, Wi-Fi no automóvel para até sete dispositivos e a NissanConnect Services, uma aplicação dedicada com a qual o proprietário pode interagir e monitorizar remotamente o seu automóvel Nissan.

O ecrã NissanConnect de maior resolução e com nove polegadas é um portal digital para as definições do automóvel, para a navegação e o entretenimento, compatível com o Android Auto e Apple CarPlay.

Um novo ecrã TFT com 12,3 polegadas para o condutor, totalmente digital, de alta definição e com múltiplas informações, oferece uma escolha de disposições configuráveis para exibir informações sobre navegação, entretenimento, trânsito ou automóvel, tudo controlado a partir de um interruptor tátil no volante.

Uma textura de vidro esculpido tradicional 'Kiriko' é também acrescentada ao fundo digital do TFT, numa alusão ao ADN japonês da Nissan.

Destaque ainda para o ovo ecrã frontal projetado (HUD – Head-up Display) de 10,8 polegadas que permite ao condutor ter acesso as principais informações de navegação, assistência ao condutor e de estrada são projetadas no para-brisas, dentro da linha da linha de visão.

A Nissan melhorou ainda a visibilidade dos condutores ao introduzir um ângulo maior de abertura do para-brisas, um design de pilar dianteiro mais fino e espelhos laterais instalados na porta, em vez de no pilar A, reduzindo desta forma as zonas de visibilidade oculta.

A distância entre eixos mais longa permite aos passageiros dos bancos traseiros desfrutarem de mais espaço para os joelhos, 608mm, mais 28mm que a versão anterior.

Em matéria de arrumação, a nova geração do crossover da Nissan, apresenta uma bagageira com mais 50 litros que o seu antecessor, graças em parte à descida em 20mm do piso de carga, uma consequência da geometria melhorada da suspensão traseira.

No que respeita às motorizações disponíveis no novo Qashqai, a Nissan apostou na eletrificação, já que o seu novo crossover vai estar disponível com dois motores a gasolina eletrificados.

Um bloco 1.3 DiG-T a gasolina equipado com tecnologia mild-hybrid de 12V, uma tecnologia híbrida acessível que proporciona assistência ao binário, uma paragem ao ralenti alargada, reinício rápido do motor e apoio à velocidade cruzeiro [apenas Xtronic], com melhorias na economia de combustível e nas emissões de CO2.

Este motor vai estar disponível com duas potências, 138 cv e 156 cv, com transmissão manual de seis velocidades ou a nova caixa de velocidades Xtronic (apenas com motor de 156 cv) e tração 2WD ou 4WD.

O Qashqai vai estrear nesta sua terceira geração a tecnologia híbrida e-Power na gama com o bloco de 1,5 litros a gasolina.

O novo sistema e-Power é composto por uma bateria de elevado rendimento e um grupo motopropulsor que integra um motor a gasolina l de 154 cv com taxa de compressão variável, gerador de energia, inversor e motor elétrico de 140kW (188 cv) e um binário de 330 Nm.

Esta solução combina aceleração linear simples e agradável, característica de um automóvel elétrico, mas sem a necessidade de carregamento.

O elemento único do Nissan e-Power é o facto de o motor a gasolina ser utilizado apenas para gerar eletricidade, enquanto as rodas são exclusiva e totalmente acionadas pelo motor elétrico. Tal permite que o sistema funcione sempre com autonomia ideal, resultando em eficiência de combustível superior e emissões de CO2 mais baixas em comparação com um motor de combustão interna tradicional.

RELACIONADOS

Nissan Micra atualiza gama com novas versões e motor

Nissan assinala 10 anos do Leaf com edição especial

e-NV200 Winter Camper: o elétrico da Nissan para as aventuras de inverno

COMPUTADOR DE BORDO

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

Fique a saber como são as novas cartas de condução

Descontos nas portagens das ex-Scut de Algarve e Interior vão até aos 55%

VEJA MAIS

MAIS LIDAS