Os modelos desportivos são desconfortáveis? A Ford diz que não

  • Redação Autoportal
  • 15 jun, 17:00
Ford Puma
Ford Puma

A marca de automóveis elevou o conforto dos seus bancos de elevado desempenho para um novo nível, introduzindo novos bancos dianteiros Ford Performance

Há já algum tempo que a Ford oferece tecnologias como suspensão sofisticada e bancos desportivos amplamente reguláveis e com excelente apoio, para assegurar aos seus modelos de elevado desempenho um nível de conforto compatível com o prazer de condução, bem como tornar a dinâmica da aclamada Ford Performance mais acessível a um maior número de condutores.

Agora, a marca de automóveis elevou o conforto dos seus bancos de elevado desempenho para um novo nível, introduzindo novos bancos dianteiros Ford Performance desenvolvidos internamente para o SUV de elevado desempenho Puma ST 1. Os novos bancos são certificados pela organização líder em saúde da coluna vertebral Aktion Gesunder Rücken e.V. (AGR), responsável pela Campanha para Costas Mais Saudáveis.

PUB

Essencial para obter a certificação AGR, os bancos possuem nada menos de 14 regulações para proporcionarem aos ocupantes o máximo conforto e apoio, em vez de ser o ocupante a adaptar a sua posição ao banco.

A certificação AGR é atribuída por um comité de testes independente formado por peritos em várias áreas de medicina, empenhado em ajudar os clientes a escolher produtos que não prejudiquem as costas. As dores lombares são a uma das principais causas de deficiência motora a nível global, tendo um estudo descoberto que 63% dos condutores sofrem de dores lombares que interferem nas atividades diárias.

PUB

Além das tradicionais regulações para a frente e para trás e do ângulo das costas do banco, o qual incorpora um apoio de cabeça integrado inspirado na competição, os ocupantes do Puma ST podem também ajustar a extensão e o ângulo do assento para se encontrarem à sua posição de condução ideal.

PUB

A regulação da altura do banco também está presente, e pode ser particularmente benéfica para os condutores e estatura mais elevada, permitindo-lhes sentar-se confortavelmente na posição mais baixa, e mais direita, habitualmente preferida pelos condutores mais dinâmicos. O ajuste lombar de quatro vias é controlado eletronicamente a partir de um botão na parte lateral do banco.

Os engenheiros da Ford testaram diferentes tipos de espumas, forros e conceitos estruturais para encontrar o equilíbrio ideal de conforto em viagens longas e na utilização diária, bem como um nível de apoio capaz de complementar a experiência de condução do Puma ST.

Dez protótipos foram testados nas pistas de teste da Ford – as quais apresentam réplicas reais de traçados e tipos de pisos de estradas de todo o mundo – bem como na via pública. Os testes de durabilidade também utilizaram o sistema “Robbie” da Ford – um simulador robótico do cóccix humano capaz de recriar, em apenas três dias, a intensidade de uma década de utilização, realizando movimentos de sentar, ressaltar e virar no banco durante 7.500 vezes.

PUB

Os novos bancos - também disponíveis para os modelos Focus ST 2 e Fiesta ST 3 – são revestidos a Sensico® , um material premium desenvolvido pela Ford que se distingue pelas suas caraterísticas vegan, e que reproduz os principais atributos do couro, tais como a estética, o tato, a durabilidade e a facilidade de limpeza.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Ford da Europa junta-se a rede de partilha de dados da indústria automóvel

Porsche já tem bancos à medida feitos em impressoras 3D para vários modelos

Novo Audi A3 tem bancos com material reciclado

Tesla recolhe 11 mil Model X por problema nos bancos

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS