Novo Peugeot 208 chega no outono com versão 100% elétrica

  • Redação Autoportal
VÍDEO: Peugeot revela o novo e-208

O e-208 vai ser apresentado em Genebra

A Peugeot revelou a nova geração do 208, que vai apresentar no Salão de Genebra no próximo mês. O familiar da marca francesa chega ao mercado no outono deste ano e vem logo com a versão 100% elétrica e-208 ao lado de três motorizações a gasolina e uma diesel.

Com um visual atlético a vincar o cunho desportivo, o novo Peugeot 208 é construído sobre a plataforma CMP (Common Modular Platform), cuja modulação permite não só ambas as mecânicas térmica (gasolina/diesel) e elétrica, como contribui para limitar as emissões de CO2 pela diminuição de peso, melhoria da aerodinâmica, diminuição da resistência ao rolamento e otimização das cadeias de tração.

Disponível desde o lançamento, o novo Peugeot e-208 tem motorização 100% elétrica: com uma potência de 100 kW (136 cv) e um binário de 260 Nm (disponíveis desde os 0 km/h) apresentando no ecrã em tempo real o funcionamento da mecânica.

Os modos de condução são três: eco; normal; e sport (0 aos 100 km/h em 8,1s). Os modos de travagem são dois: moderado (semelhante ao de um veículo térmico); e aumentado (para uma desaceleração controlada do pedal do acelerador).

O novo e-208 dispõe de pré-condicionamento térmico programável a partir do ‘touchscreen’ ou à distância, através do smartphone na app MyPeugeot. A habitabilidade e o volume da bagageira de 220 litros são idênticos aos da versão térmica. A bateria de grande capacidade de 50 kW/h, instalada sob o piso do ve+iculo, permite alcançar uma autonomia na ordem 340 km.

Os modos de carga do e-208 são três: a partir de uma tomada doméstica clássica (ou, para uma carga completa em 16h00, a partir de uma tomada reforçada Green Up Legrand, através de um cabo de recarga fornecido para o efeito); a partir de uma ‘Wall Box’, permitindo uma carga completa em 5h15 em modo trifásico (11 kW) ou em 8h00 em modo monofásico (7,4 kW); a partir de uma tomada pública dedicada – a regulação térmica da bateria permite utilizar carregadores de 100 kW e obter uma carga a 80% em 30 minutos.

Nas versões a gasolina, o novo Peugeot 208 apresenta-se com os motores PureTech de 1.2 litros com potências de 75 cv (caixa manual de 5 velocidades), 100 cv (caixa manual de seis velocidades e automática de oito) e 130 cv (caixa automática de oito velocidades). A motorização diesel de 1.5 litros é a BlueHDi com 100 cv (caixa manual de seis velocidades).

O novo 208 tem cinco níveis de equipamento e chega mais comprido, mais largo e mais baixo do que a anterior geração com o para-brisas recuado e um capô mais esculpido e alongado. O vidro de custódia traseiro é muito inclinado e alinha com o guarda-lamas traseiro.

O para-choques dianteiro é desenhado numa única linha com a grelha ao centro e a secção traseira é marcada por uma faixa negra que percorre toda a largura do vinco da bagageira, contando com as luzes com três garras (acesas de dia e de noite). O difusor traseiro está disponível com acabamento preto lacado e, conforme a motorização escolhida, pode ser dotado de saídas de escape cromadas.

O Peugeot i-Cokpit com ‘head-up display’ 3D complementa-se com o leque de ajudas à condução: regulador de velocidade adaptativo; manutenção da posição dentro da faixa de rodagem; assistente de estacionamento; travagem automática de emergência e alerta de risco de colisão; alerta ativo de transposição involuntária de faixa; alerta de atenção ao condutor; comutação automática das luzes de circulação; reconhecimento dos sinais de velocidade e de recomendação; reconhecimento alargado de sinais de trânsito (stop, sentido proibido); sistema ativo de vigilância de ângulo morto (com correção de trajetória); e travão de estacionamento elétrico.

Novo Peugeot 208 chega com versão 100% elétrica
  • TEMAS:
  • Peugeot

  • E-208

  • Peugeot 208

Veja mais