Honda E é o primeiro modelo da marca a utilizar a nova plataforma EV

  • Redação Autoportal
Honda E Prototype
Honda E Prototype

Primeiro veículo elétrico da Honda para o mercado Europeu vai entrar em produção ainda este ano

O novo automóvel elétrico da Honda, o Honda e, é o primeiro da marca a ser construído numa plataforma EV dedicada, projetada do zero para permitir uma boa dinâmica de condução.

A Honda já fez saber que esta nova plataforma foi pensada para ambientes urbanos, de modo a oferecer uma experiência de condução dinâmica e responsiva. A bateria está posicionada sob o piso, centrada entre os eixos da viatura, com uma distribuição de peso de 50:50 e baixo centro de gravidade para uma melhor resposta e maior estabilidade.

A potência do motor elétrico de elevado binário é entregue às rodas traseiras, permitindo a precisão da direção, mesmo em forte aceleração.

A bateria de alta capacidade de iões de lítio de 35,5 kWh pode ser carregada através de uma conexão CA Tipo 2 ou de um carregador rápido CCS2 DC. Combinada com uma bateria de autonomia superior a 200 Km, a capacidade de carga rápida do avançado carregador proporcionará uma usabilidade excecional para responder às necessidade do dia a dia dos condutores, fornecendo 80% de carga em apenas 30 minutos.

A bateria é refrigerada a água para manter um estado térmico regular, maximizando assim a sua eficiência e carregamento, além de garantir que o seu tamanho e peso são minimizados para que não comprometa o espaço interior.

A suspensão independente de quatro rodas foi projetada para oferecer uma maior estabilidade em qualquer condição. Os elementos dos componentes da suspensão são de alumínio forjado para reduzir o peso e beneficiar o desempenho e a eficiência.

Conjugado com as suas dimensões compactas, o Honda e promete oferecer uma agilidade única para automóveis citadinos, que torna a condução em cidade agradável e é facilmente manobrável em ambientes urbanos.

O primeiro veículo elétrico da Honda para o mercado Europeu vai entrar em produção ainda este ano e a marca nipónica já fez saber que recebeu 31.000 manifestações de interesse relativos ao Honda e.

  • TEMAS:
  • Honda e

  • Elétrico

  • Mobilidade

Veja mais