PUB

Toyota Mirai a hidrogénio é o novo 'Papamóvel'

  • Redação Autoportal
Modelo de zero emissões conta com uma autonomia de 500 km

O Papa Francisco foi presenteado com um Toyota Mirai movido a hidrogénio especialmente projetado para as suas necessidades de mobilidade.

Este modelo de zero emissões é um de dois Toyota Mirai produzidos especialmente pela Toyota e doados à Conferência dos Bispos Católicos do Japão (CBCJ), para as necessidades de mobilidade do Papa Francisco na visita que realizou ao Japão em novembro do ano passado.

O Mirai movido a hidrogénio foi agora entregue ao Papa no Vaticano, como presente da Conferência dos Bispos Católicos do Japão.

O novo 'Papamóvel' a hidrogénio tem 5,1 metros de comprimento e uma altura (incluindo o teto) de 2,7 metros, permitindo que o Papa fique de pé e seja visível para as pessoas.

Recorde-se que o Toyota Mirai é o primeiro sedan movido a hidrogénio produzido em série e foi lançado em 2014. Este veículo elétrico conta com uma pilha de combustível (Fuel Cell), que junta hidrogénio com o ar, emitindo apenas água limpa pelo escape. O Mirai é abastecido em apenas 3 minutos e conta com uma autonomia de 500 km.

  • TEMAS:
  • Toyota

  • Mirai

  • Hidrogénio

Veja mais