O primeiro novo Toyota Supra foi vendido por 1,8 milhões

  • Redação Autoportal
Toyota GR Supra - Salão de Detroit (Lusa)
Toyota GR Supra - Salão de Detroit (Lusa)

Primeiro Ford Mustang Shelby GT500 também já foi vendido

O novo Toyota Supra foi apresentado oficial e mundialmente no Salão de Detroit que ainda decorre até ao dia 27 e o primeiro carro de produção da quinta geração (A90 Supra) do icónico desportivo (que chegará ao mercado em 2020) já está vendido pelo valor de 2,1 milhões de dólares (cerca de 1,848 milhões de euros).

Os direitos sobre o primeiro A90 Supra de produção foi vendido no fim de semana no leilão de caridade da Barrett-Jackson, no Arizona (EUA). Não se conhece o dono deste primeiro exemplar que terá a tampa do motor assinada pelo diretor executivo da Toyota, Akio Toyoda, mas sabe-se que as receitas da venda reverterão a favor de instituições de solidariedade.

Também a favor de instituições idênticas reverterá a verba conseguida com o leilão do primeiro exemplar do igualmente novo Ford Mustang Shelby GT500 – da mesma forma revelado em Detroit e vendido na mesma leiloeira.

Mas, desta vez, segundo relata o «Motor1.com», sabe-se quem é que pagou 1,1 milhões de dólares (cerca de 968 mil euros) por este «muscle car» com mais de 700 cv de potência, que também chegará em 2020: foi o próprio diretor executivo da leiloeira Barrett-Jackson, Craig Jackson.

  • TEMAS:
  • Toyota Supra

  • Ford Mustang Shelby

  • Leilão Supra Mustang

Veja mais