Folhas caídas e neve são dois perigos na estrada para os condutores

  • Redação Autoportal
Focus Active
Focus Active

O outono e o inverno trazem sempre perigos acrescidos a quem anda na estrada. A chuva, neve e a neve, são em certas condições fatores em terem em conta na condução diária.

No caso das folhas das árvores, até podem ser uma componente fundamental na criação das impressionantes paisagens outonais, tão apreciadas pelos fotógrafos, mas em certas situações, quando estão molhadas ou em várias camadas, as folhas caídas podem representar um significativo perigo para os condutores.

Os que o sabem desde há muito tempo, comparam o seu efeito com o de conduzir sobre a neve. Mas, pode a humilde folha ser tão escorregadia como a neve? Um grupo de engenheiros da Ford encontrou a resposta depois de realizar uma experiência única para o averiguar.

Obter os dados sobre a neve foi a parte fácil. Foram obtidos a partir de testes de veículos realizados em regiões da Escandinávia. Mas, não havia investigações que mostrassem o quanto escorregadias as folhas seriam. Para solucionar esta questão, a equipa recolheu sacos de folhas e usaram-nas para cobrir a pista de testes da Ford na Bélgica. Depois, utilizaram um dispositivo de teste de fricção que identifica o quão escorregadias são as superfícies ao passar sobre elas.

Depois dos testes descobriram que em certas circunstâncias as folhas são tão escorregadias como a neve. “A maioria das pessoas sabe que deve reduzir a velocidade e conduzir com mais precaução na neve, mas são poucos os que têm o mesmo respeito pelas estradas cobertas de folhas que podem ser igualmente escorregadias”, sublinhou Eddy Kasteel, engenheiro de desenvolvimento da Ford Europa.

O grau de atrito é medido em unidades representadas pelo símbolo µ - quanto mais escorregadia a superfície, menor o número. Nos testes realizados, no seu momento mais escorregadio, as folhas registaram um valor de µ entre 0.3 e 0.4, tipicamente o mesmo nível observado em superfícies de neve.

Os mesmos engenheiros ajudaram a desenvolver o “Slippery Mode” para o novo crossover Ford Focus Active que chegará ao mercado em breve. Desenhado para melhorar a tracção em superfícies geladas e de folhas molhadas, o sistema realiza rápidos ajustes nos sistemas de estabilidade, aceleração e travagem para ajudar a prevenir que o veículo derrape, guine ou desvie da sua trajectória prevista.

Comentários

Veja mais