Rimac Nevera um hipercarro elétrico com 1.427 kW

  • Redação AWAY
  • 2 set, 16:00

O Rimac Nevera é um hipercarro elétrico com quatro motores elétricos de 1.427 kW, capaz de ultrapassar os 412 km/h

Tudo no Rimac Nevera é impressionante. A estética é deslumbrante, o poder é avassalador, com tecnologia decalcada do Rimac C-Two, este é ainda mais radical.

Nevera é o nome de uma tempestade inesperada que surge na costa Mediterrânica ao largo da Croácia, país Natal da Rimac. E, Nevera, passa também a ser sinónimo de uma autêntica tempestade elétrica capaz de dizimar estradas e outros oponentes.

PUB

Não será por acaso que a Porsche há menos de dois anos adquiriu uma posição no capital desta empresa croata, e, este novo lançamento mostra que quando falamos de supercarros ou hipercarros ou qualquer coisa superlativa com carros, temos que falar da Rimac.

Desenhado e construído na Croácia o Rimac Nevera está homologado para a estrada, dito isto, nem parece ser fácil imaginar em que tipo de estradas poderíamos dar largas a tanto poder.

Nevera, uma tempestade inesperada que surge no mar ao largo da Croácia

O Nevera tem quatro motores elétricos, que asseguram tração integral e… 1.427 kW (1.914 cavalos) de potência. Mais explosivo é o binário que revela uma força de 2.360 Nm. Não, não deve carregar de repente no acelerador… dizemos nós!

PUB

A Rimac anuncia 412 km/h de velocidade máxima e afirma que o Nevera cumpre os 0 aos 100 km/h em escandalosos 1,85 segundos. Calma, mas não só. O construtor assegura que o quarto de milha pode ser cumprido em apenas 8,6 segundos. Convém ter um boa lente na máquina fotográfica se não quiser apanhar… o rasto!

A bateria que alimenta este autêntico raio tem 500 kW de potência e num carregador de parede da Rimac, consegue carregar 80 por cento da capacidade em 19 minutos. Segundo o ciclo WLTP a autonomia anunciada é de 550 quilómetros.

PUB

Quanto a preço, fique tranquilo, vem em linha com tudo o resto. A produção está limitada a 150 unidades, todas assinadas pelo fundador e CEO, Mate Rimac, que lhe pedirá 2 milhões de euros, para lhe dar acesso a tudo isto.

Continuar a ler

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS