Novo Hyundai Tucson recebe versão desportiva N Line

  • Redação Autoportal
  • 27 jan, 18:45

Marca sul-coreana reforça gama do seu SUV mais vendido na Europa

A Hyundai anunciou o reforço da gama do novo Tucson com a introdução da linha N Line de cariz mais desportivo nas opções para o seu SUV mais vendido na Europa.

O Tucson N Line, com jantes de 19’’, ganha um ar mais musculado no exterior com uma grelha mais larga e posicionada mais acima de um para-choques reforçado e com entradas de ar renovadas. O para-choque traseiro repete o conceito mais desportivo onde também pontificam o spoiler maior e o difusor.

PUB

O interior repleto de apontamentos N desde o volante aos bancos com aquecimento em todos tem integrado o cockpit dual com dois ecrãs de 10,25’’ (o de navegação é tátil) oferecendo a tecnologia de ventilação direta e indireta (Multi-Air Mode) para as três zonas de climatização no veículo.

A condução pode ser reforçada com um controlo eletrónico de suspensão (adaptativa) como opção, mas, quanto aos sistemas de segurança, a visão no painel de instrumentos do que se passa atrás quando se ativa os piscas (um visor para o ângulo morto9 é de série.

PUB

Prescindido da motorização diesel, o novo Hyundai Tucson N Line terá as mesmas versões com o bloco 1.6 a gasolina do seu irmão mais convencional. A versão exclusivamente térmica de 150 cv e as duas semi-híbridas de 150 e 180 cv chegam nesta primavera; as híbrida e híbrida plug-in chegam no verão.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Guiámos o novo Hyundai Tucson: um SUV que surpreende agora com ajuda elétrica

Novo Hyundai Tucson já chegou ao mercado e já sabemos todos os preços

Hyundai apresenta o novo Tucson híbrido plug-in que chega na primavera

Há um novo Hyundai Kauai no mercado e nós já o experimentámos

Hyundai revela novo 'teaser' do Ioniq 5 que vai ser apresentado em fevereiro

COMPUTADOR DE BORDO

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

Fique a saber como são as novas cartas de condução

Descontos nas portagens das ex-Scut de Algarve e Interior vão até aos 55%

VEJA MAIS

MAIS LIDAS