Gordon Murray apresenta novas soluções para carros elétricos

  • Redação Autoportal
  • 8 jan, 17:00
Quadriciclo Gordon Murray Design
Quadriciclo Gordon Murray Design

Soluções iStream incluem diversas novas ideias que poderão tornar mais eficiente a próxima geração de carros elétricos

O salão da Cenex-LCV que se realizou em Millbrook, no Reino Unido, teve em exposição um novo protótipo desenvolvido pela equipa da Gordon Murray Design, que poderá incluir diversas novas ideias para uma nova geração de carros elétricos, mais eficientes e de custo mais reduzido.

A tecnologia iStream, como foi batizada, foca-se na otimização dos mais variados componentes na plataforma de um veículo que pode receber posteriormente diversos painéis de carroçaria e com tamanhos e propósitos diferentes. Segundo a ideia apresentada, as soluções iStream podem ser adaptadas a um quadriciclo de motor elétrico, mas também a um desportivo de motor central e a um SUV familiar com motor a gasolina, não esquecendo um comercial ligeiro, por exemplo.

PUB

O processo de construção das soluções iStream passam por uma eficaz redução de custos desde o início da produção e com uma especial incidência na redução de peso, com o objetivo de melhorar a sua aquisição e utilização prolongando a sua autonomia. Um modelo familiar convencional pode incluir uma redução de peso na ordem dos 20% graças à redução para metade dos componentes necessários para instalar os painéis da carroçaria.

PUB

Além da redução de peso, este novo método de fabrico também apresenta uma rigidez mais elevada do conjunto; o que traz benefícios em termos de segurança, refinamento e até do comportamento dinâmico, bem como em termos de durabilidade. E se forem usados painéis de carroçaria produzidos com fibras recicladas, a redução de peso poderá ser ainda maior.

PUB

No salão da Cenex, a Gordon Murray Design tinha em exposição um veículo de mobilidade pessoal com muitas das soluções apresentadas, uma vez que foi desenvolvido justamente com o objetivo de mostrar muitas das soluções iStream.

A redução de peso no veículo ronda os 400 quilos e este está homologado como um quadriciclo. Ao contar com uma bateria com o dobro da capacidade do que é habitual nesta categoria, consegue uma autonomia em torno dos 225 quilómetros. E para carregar, são necessários apenas 40 minutos para que a carga passe dos 10 para os 80%.

Em termos de tamanho, a carroçaria não vai além dos 2,5 metros de comprimento, mas não ficam esquecidos equipamentos como um sistema de travagem com ABS, ar condicionado e até um sistema de infoentretenimento com um monitor de tamanho generoso.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Vídeo: T.50 faz primeiro ‘test drive’ com Gordon Murray ao volante

T.50S ‘Niki Lauda’ é o novo supercarro de Gordon Murray com 735 cv

GM renova antiga fábrica para produzir apenas veículos elétricos

TAE Power Management propõe-se criar veículos elétricos mais económicos e eficientes

China vê nos automóveis elétricos oportunidade para “invadir” a Europa

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS