Ferrari 250 Europa GT de 1955 guardado em celeiro alcançou 1,83 milhões de euros (notícia atualizada)

  • Redação Autoportal
  • 10 mai, 09:00

O leilão da Gooding and Company decorreu no inicio de maio e esta preciosidade alcançou um lance final de 2,2 milhões de dólares

(Notícia atualizada com valor final do leilão)

Este Ferrari 250 Europa GT de 1955, esteve guardado num celeiro e está na condição original. Trata-se de uma autêntica cápsula do tempo e um dos poucos exemplares que se conhece de uma produção de apenas 43 unidades.

PUB

O Ferrari 250 Europa GT de 1955, recorre ao chassis 0413 GT, tem um motor V12 3 litros, com caixa manual de quatro velocidades, potência a rondar os 220cv e anunciava mais de 190 km/h de velocidade máxima e cumpria os 0 aos 100 km/h em 6,8 segundos.

Foi a leilão no início de maio através da Gooding & Company e a empresa estimava que podia alcançar um valor entre 1,7 e 2,2 milhões de euros.

Veja aqui o vídeo promocional

Produzido sob especificação para o exclusivo cliente VIP, o colecionador suíço Dr. Enrico Wax, este exemplar brilhante foi mantido numa propriedade de uma única família no sul da Califórnia, nos Estados Unidos por seis décadas.

Este sensacional original, em condição não restaurada tem apenas 33.700 quilômetros e está documentado pelo historiador da Ferrari, Marcel Massini.

PUB
Marcel Massini, um dos maiores historiadores da Ferrari

O feliz vencedor desta oportunidade única e irrepetível terá ainda acesso aos imaculados Manuais Originais do Ferrari.

 

Continuar a ler

RELACIONADOS

Leilão do último Porsche 911 rende 1 milhão no combate à covid-19

Novo supercarro baseado no Ferrari 812 Superfast em edição especial exclusiva

Vídeo: condutor calculou mal a potência de um Ferrari 458

Vettel coloca oito bólides à venda, entre eles três modelos raros da Ferrari

Primeiro Ferrari elétrico fica apontado a 2025

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS