Lotus Cars reabre as portas da fábrica de Hethel a visitantes

  • Redação Autoportal
  • 5 abr, 15:00

Depois das obras de atualização que modernizaram a fábrica, está no momento de a marca mostrar as melhorias efetuadas

A fábrica da Lotus Cars em Hethel, no Reino Unido, é uma das unidades de produção de automóveis mais históricas do planeta. É tão histórica que diversas pessoas queriam visitá-la quase como se fosse um museu. Com o início da atualização das instalações, que começou em novembro de 2017, as visitas tiveram de ser interrompidas, mas, completado o ‘upgrade’ de 100 milhões de libras (quase 120 milhões de euros), está na altura de voltar a abrir as portas da fábrica aos visitantes.

Com o Lotus Emira já em produção e o Eletre praticamente a começar, o tour pela fábrica tem uma duração prevista de cerca de duas horas, com início às 10h00 ou às 14h00, de segunda a quinta-feira. Os grupos terão um número máximo de oito pessoas.

PUB

Segundo Simon Lane, o diretor do Lotus Advanced Performance, “as visitas à fábrica de Hethel fizeram parte da história da Lotus durante muitos anos e foram extremamente populares”. “Recebemos e-mails e telefonemas todas as semanas com pessoas a perguntar sobre as visitas, mas, com todo o trabalho de desenvolvimento na fábrica, não fazia muito sentido receber visitas. Com o Emira já em produção, tenho agora o prazer de anunciar que este é o momento certo para relançar as visitas à fábrica”, anunciou.

PUB

Os visitantes serão recebidos no espaço de vendas, onde terão um contacto com o passado e o presente da marca inglesa, bem como com toda a transformação que se desenrolou nos últimos anos. A visita começa nas antigas zonas de produção dos modelos Elise, Exige e Evora, antes de passar para a nova área do Emira, já com sistemas automatizados, pela primeira vez na história da marca. E depois, na zona exterior, os visitantes poderão dar uma vista de olhos na pista de 2,2 milhas (3,5 km), por onde já passaram diversos nomes da competição como Jim Clark, Mario Andretti, Emerson Fittipaldi, Ayrton Senna e tantos outros.

PUB

A visita à fábrica de Hethel terá um custo de 95 libras (113 euros) por pessoa e se desejar adicionar o módulo Heritage à visita, o valor passa para as 140 libras (166 euros). As marcações podem ser feitas nesta ligação.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Lotus apresenta versão muito especial do seu Exige Cup 430

Radford está de regresso com um Lotus Type 62 e Jenson Button

Livro sobre o Lotus Elite, com um ponto de vista mais pessoal

Lotus renasce grandiosa com novo Emira e o ex-campeão de F1 Jenson Button esteve na apresentação

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS