135 milhões de euros: este é o carro mais valioso do mundo vendido em leilão

  • Redação Autoportal
  • 30 mai, 16:00

Dinheiro da venda será revertido para criar o Fundo Mercedes-Benz que concederá bolsas de estudo e investigação

O Mercedes 300 SLR Uhlenhaut Coupé de 1955, um dos dois únicos exemplares no mundo, foi adquirido no início deste mês por 135 milhões de euros, tornando-se o carro mais valioso do mundo vendido em leilão.

Com o nome do seu criador, Rudolf Uhlenhaut, este carro é considerado um dos melhores exemplos de engenharia e design automóvel por especialistas e entusiastas da indústria em todo o mundo.

PUB

O SLR Uhlenhaut Coupé com as duas portas de abertura em asas de gaivota oferecia um motor de 3,0 litros de 8 cilindros em linha com 306 cv de potência e 317 Nm de binário. A aceleração dos 0-100km/h era estimada em 7.4 segundos e dos 0-200km/h em 20.2 segundos

Segundo a marca alemã, todo o dinheiro angariado no leilão organizado pela RM Sotheby's será utilizado para criar um Fundo Mercedes-Benz internacional que concederá bolsas de estudo e bolsas universitárias de investigação na área das ciências ambientais, com o principal foco no processo de diminuir a pegada ecológica.

Continuar a ler

RELACIONADOS

BMW e Mercedes vendem serviço de partilha de veículos à Stellantis

Mercedes expande a gama de modelos elétricos com a versão SUV do EQS

Mercedes-Maybach apresenta o S680 criado em conjunto com Virgil Abloh

Edição única do Ford Bronco vendida em leilão por meio milhão de dólares

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS