DS 9 chega ao mercado português: saiba tudo incluindo os preços

Marca francesa apresentou o seu topo de gama no lançamento das encomendas

O DS 9 foi nesta quarta-feira apresentado ao mercado português e já pode ser encomendado. A marca apresentou em detalhe a sua berlina para o segmento D ‘premium’ que vem para o mercado nacional com uma motorização híbrida plug-in e em dois níveis de equipamento.

O DS 9 E-Tense para Portugal dispões de um grupo propulsor com um motor a gasolina de 1,6 litros de 4 cilindros sobrealimentado com 180 cv de potência e 300 Nm de binário com um motor elétrico dianteiro de 80 kW (110 cv) e 320 Nm associado à transmissão automática de 8 velocidades. No conjunto do seu sistema híbrido, o DS 9 proporciona 225 cv de potência e 360 Nm de binário.

PUB

Para maximizar a eficiência do sistema, o modo Electric é sempre selecionado automaticamente no arranque sendo complementado por um modo Hybrid quando é preciso gerir automaticamente os diferentes tipos de energia conforme a: condução: 100% elétrica, 100% a gasolina ou combinando ambas.

O sistema híbrido aciona o motor elétrico em várias ocasiões, como no arranque ou numa ultrapassagem em que se pressione mais o acelerador, e no modo de condução em emissões zero – numa velocidade até 135 km/h). O modo E-Tense Sport aproveita ao máximo a potência disponível a partir da combinação do motor a combustão e do motor elétrico ajustando o curso do pedal do acelerador, o regime de passagem da caixa de velocidades, a assistência da direção e a resposta da suspensão controlada eletronicamente.

PUB

O sistema de regeneração recuperando energia cinética para a bateria nas fases de desaceleração e travagem possui uma função ‘B’ no seletor da caixa de velocidades que aumenta o poder de desaceleração – e recuperação – do motor elétrico. A função E-Save permite reservar níveis de energia na bateria, programáveis através do computador de bordo, para o modo zero emissões ficar disponível quando se quiser ou precisar.

PUB

O DS 9 tem uma bateria de iões de lítio de de 11,9 kWh de capacidade conseguindo uma autonomia elétrica de até 56 km. O consumo em ciclo misto é de 1,5 l/100 km, com emissões de 33-34 g/km de CO2. Os tempos de carregamento variam entre as 1h30 numa wallbox de 7,4 kW e 6h30 numa tomada doméstica de 230 V. O cabo fornecido de série é do tipo Modo 2 8A.

Assente numa nova versão da plataforma modular EMP2 do grupo PSA, o DS 9 mede 4.934 mm de comprimento oferecendo uma distância entre eixos inédita de 2.895 mm para grande benefício em espaço e conforto dos ocupantes dos bancos traseiros. A largura do sedã é de 1.932 mm (sem espelhos) e a altura de 1.460 mm. A capacidade da bagageira é de 510 litros.

PUB

No design, o DS 9 adota um estilo ‘fastback’ com o óculo fortemente inclinado numa traseira onde se destacam as óticas esculpidas em escamas com efeito 3D fluindo de forma elegante até uma frente em que o capô com o vinco da marca encima uma grelha de efeito diamante também tridimensional.

O interior prima pelo requinte dos materiais integrados em superfícies mais amplas, como o tabliê ou tejadilho, ou nos detalhes, como nos revestimentos das portas, nas teclas em forma de cristal sensíveis ao toque ou nas palas do sol. O DS 9 apresenta-se a Portugal em dois níveis de equipamento: o Performance Line + (com bancos forrados a Alcantara) e o Rivoli + (com bancos em couro).

O conforto e segurança da condução são aprimorados pelo sistema DS Active Scan Suspension que recorre a uma câmara dianteira para ‘leitura’ da estrada, sensores de nível, acelerómetros e sensores do grupo motor/caixa para registar todos os movimentos e preparar o amortecimento de cada roda em função das imperfeições do piso.

PUB
PUB

O equipamento de série deste carro de nível 2 de condução autónoma inclui alerta de desvio de trajetória com correção automática de direção, travagem automática de emergência, reconhecimento de sinais de trânsito, programador de velocidade com limitador, sensores de estacionamento e câmara traseira, sistema de faróis ‘inteligente’ DS Active LED Vision, sistema de acesso e arranque sem chave, painel de instrumentos totalmente digital, sistema de informação e entretenimento com ‘Mirror Link’ e navegação conectada e jantes em liga leve de 19’’.

Em relação ao Performance Line +, 0 Rivoli + eleva o nível com o sistema de alerta de cansaço do condutor, o sistema de posicionamento na faixa de rodagem, bancos dianteiros aquecidos, ventilados e com função de massagem, ou o sistema de climatização tri-zona.

A elevação opcional dos equipamentos faz-se com uma oferta em que se destacam o estacionamento automático sem intervenção do condutor, DS Park Pilot, o sistema DS Night Vision com ‘leitura noturna da estrada por uma câmara de infravermelhos instalada na grelha dianteira, capaz de detetar peões, ciclistas e animais até 100 metros de distância, com visualização no painel de instrumentos – com dois níveis de alerta 8amarelo e vernelho9 para uma reação atempada.

PUB

Disponível para encomenda a partir desta quarta-feira e com as primeiras unidades a chegarem no início do segundo semestre o DS 9 E-Tense Performance Line + tem um preço de 59.100 euros e o DS 9 E-Tense Rivoli + de 61.000 euros.

Continuar a ler

RELACIONADOS

DS 9: a nova berlina híbrida de luxo que chega aos 360 cv

Alfa Romeo, DS e Lancia vão desenvolver novos modelos em conjunto

Tecnologia de luxo no segmento C: está revelado o novo DS 4

DS 3 Crossback ganha edição limitada e cheia de estilo

Guiámos o DS 3 Crossback 1.5 BlueHDI: luxo em ponto pequeno

COMPUTADOR DE BORDO

Desconfinamento: 10 Dicas para o seu carro

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

Fique a saber como são as novas cartas de condução

VEJA MAIS

MAIS LIDAS