Gasóleo e gasolina sobem 12 cêntimos, ISP alivia 21,8 e 25,1 cêntimos respetivamente

  • Redação Autoportal
  • 4 jun, 10:44
AWAY.IOL.PT
Combustíveis vão subir
Combustíveis vão subir

Combustíveis vão continuar a subir na próxima semana e o ISP tem redução fixa para 15 dias

De acordo com a previsão da AWAY, o preço da gasolina para a próxima semana, deverá subir 12 cent./litro quer na gasolina quer no gasóleo.

Ao final do dia de ontem o Ministério da Finanças avançou que o ISP do gasóleo irá descer 0,3 cêntimos e no caso do gasolina será de 0,5 cêntimos. Totaliza assim uma descida de 25,1 cênt./litro de gasolina e 21,8 cênt./litro de gasóleo. Estes valores vão manter-se durante 15 dias, devido aos feriados.

PUB

Consultados os dados da DGEG, o preço médio da gasolina 95 simples está hoje em 2,057 euros/litro e do gasóleo simples está em 1,796 euros/litro (média em 2426 postos).

A gasolina aditivada 98 tem PVP de 2,227 euros/litro (média em 892 postos).

Esta previsão foi realizada com acompanhamento diário do mercado, evolução do preço do Brent, análise de tendência e consulta privada a fontes do setor da revenda de combustível.

Lembramos aqui que os operadores e postos de combustível são livres de praticar o preço que desejam.

Deverá sempre verificar na área onde abastecem quais os melhores preços e não esquecer que há várias gasolineiras que tem preços “low cost” e outras tem acordos via cupões, cartões e outros descontos associados.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Governo desce ISP aliviando preço dos combustíveis em 20 cêntimos por litro

Novos aumentos nos preços da gasolina e gasóleo para a semana de 30 de maio a 5 de junho

Preços da gasolina e gasóleo podem voltar a subir na semana de 9 a 15 de maio

Vídeo: carro da Polícia avança por estação de serviço e trava fugitivo com choque

Vídeo: ciclista apanha boleia de camião e só podia mesmo correr mal

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS