Preços dos combustíveis: vão manter-se altos mas sem alterações para a semana de 12 a 18 de julho

  • Redação Autoportal
  • 9 jul, 12:24
DGEG
Combustíveis
Combustíveis

Os preços dos combustíveis em Portugal já subiram 30% em apenas um ano, mas para a semana deverão manter-se inalterados. Os impostos são uma fatia importante neste problema

Portugal está cada vez mais perto de estar no pódio mais indesejado em termos europeus, com os preços dos combustíveis a aumentar cada vez mais ao longo do ano. E esse aumento é já de cerca de 30% em apenas um ano!

A nível internacional as noticias não são boas. A cotação do petróleo anda num sobe e desce nos últimos tempos, mas de cada vez que sobe é rumo a novos recordes e quando desce é sempre pouco. A tendência é de manutenção dos preços em alta.

PUB

Há problemas entre os senhores do petróleo, não se entendem quanto à quantidade que uns e outros podem produzir e comercializar. Mas para Portugal um país inteiramente dependente da compra, pois não somos produtores, estas variações só têm tido reflexos negativos.

No caso português temos ainda o problema dos impostos que representam quase 60% do preço da gasolina.

Estado ganha mais em impostos do que gasolineiras

Ainda assim, dentro das más noticias do último mês e meio, a notícia para a semana, não sendo propriamente boa, é de que não estimamos um aumento do preço dos combustíveis. A gasolina e gasóleo deverão manter o preço médio desta semana.

PUB

Assim, a nossa estimativa para o preço da gasolina simples 95 será de manter o preço médio de 1,669 euros por litro e o gasóleo irá de igual forma manter-se no preço médio de 1,452 euros por litro.

Associação do setor explica porque sobe o preço dos combustíveis

De realçar que os preços médios diários que aqui indicamos são fornecidos publicamente pela DGEG e são apurados com base nos preços comunicados pelos postos de combustível, ponderados com as quantidades vendidas do ano anterior, incorporando os descontos praticados nos postos de abastecimento como cartões frota e outros.

PUB

Fazemos também notar que, apesar da nossa indicação de tendências e da informação oficial da DGEG sobre os preços médios, há sempre postos que conseguem oferecer aos clientes preços mais económicos, pelo que há que estar bem atento se pretender poupar!

Não se esqueça que os operadores do mercado de combustíveis são livres de praticar o preço que entenderem, e, por isso, todas estas informações, apesar de serem feitas com método de análise de tendência e contacto direto a fontes do setor, podem ser diferentes do que vai conseguir encontrar em termos de preços de combustíveis, em média, mais baratos ou mais caros na sua zona.

PUB

Se assim achar por bem, aproveite também as promoções, cupões e descontos pois poderão ter influência no seu próprio custo mensal com combustíveis.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Apetro esclarece aumento do preço dos combustíveis: basicamente impostos

Estado arrecada em impostos 59% do preço dos combustíveis na gasolina e 54% no gasóleo

Preço dos Combustíveis: Portugal tem a 5ª gasolina mais cara da Europa

Preço dos combustíveis: gasolina volta a subir na semana de 5 a 11 de julho

COMPUTADOR DE BORDO

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

Atenção às datas de revalidação de carta de condução. Faça tudo online e poupe 10%

VEJA MAIS

MAIS LIDAS